28/11
CBOT
BM&F

Soja
US$ 10,46 (JAN15)
R$ 23,29 (MAI15)

Milho
US$ 3,99 (MAI15)
R$ 29,31 (JAN15)



Dekalb lança segunda geração de biotecnologia para milho no Show Rural

Visitas: 4757
Comentários: 1

Dekalb lança segunda geração de biotecnologia para milho no Show Rural
08/02/10 - 11:58 
Novos híbridos, um deles com a segunda geração da tecnologia Bt, aumentam a produtividade no campo ao mesmo tempo em que reduzem o impacto no meio ambiente

Durante o Show Rural Coopavel 2010, que acontece de 8 a 12 de fevereiro, em Cascavel (PR), os agricultores poderão conhecer a segunda geração de biotecnologia de milho, oferecidas pela Dekalb já na próxima safra de verão (2010/2011). As principais novidades são o milho YieldGard VT PRO (MON 89), que garante o controle às principais pragas que atacam a cultura, e o YGRR2 (MON 810 x NK 603), que combina a resistência a insetos e a tolerância ao glifosato.

Esses benefícios são viabilizados por meio dos altos investimentos em pesquisa e desenvolvimento da marca Dekalb, preocupada em oferecer os melhores híbridos para os agricultores.

Os novos híbridos aumentam ainda mais as vantagens que a biotecnologia pode gerar no campo, como aumento significativo de produtividade e renda, e redução dos impactos ambientais, devido à redução do uso de agroquímicos e de máquinas.

O YieldGard VT PRO produz duas proteínas inseticidas do Bt (Bacillus thuringiensis), que garante controle eficiente da lagarta-do-cartucho, da lagarta-da-espiga, da broca européia do milho, da broca asiática do milho e da broca-do-colmo. “O milho YieldGard VT PRO é um avanço tecnológico, além de ser mais uma ferramenta para o Manejo Integrado de Pragas (MIP) e uma opção eficaz e prolongada de Manejo de Resistência de Insetos (MRI) na cultura”, afirma Ricardo Miranda, diretor de desenvolvimento tecnológico da Monsanto, empresa responsável pelo desenvolvimento da tecnologia. Além disso, o YieldGard VT PRO permite a redução da área de refúgio em 50%, ou seja de 10% para 5% da área plantada.

Já o milho YGRR2 protege a plantação contra as principais pragas da cultura, controlando a broca e suprimindo a lagarta-da-espiga e a lagarta-do-cartucho, devido à produção da proteína de Bt. Ao mesmo tempo, a tecnologia é tolerante ao herbicida glifosato, que controla plantas daninhas e é aplicado em pós-emergência. A tecnologia foi aprovada pela CTNBio (Comissão Técnica Nacional de Biossegurança) em novembro de 2009 e aguarda aprovação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) para o uso de Roundup Transorb e Roundup WG em pós-emergência.

“A tecnologia YGRR2 é a primeira tecnologia combinada para o mercado de milho no Brasil. Ela possibilitará a diminuição do número de aplicações, fato que contribui para a redução do impacto dos inseticidas dispersados no ambiente, tornando a produção mais sustentável e melhorando a produtividade sem o aumento do uso de insumos”, diz Miranda.

O Bacillus thuringiensis é uma bactéria encontrada naturalmente no solo e que, por sua ação inseticida contra lagartas, é utilizada na agricultura orgânica há décadas.

Mais híbridos

Além das novidades, a Dekalb vai aproveitar o Show Rural para demonstrar as vantagens das sementes, geneticamente modificadas e convencionas, que já estão disponíveis aos agricultores.

Entre os híbridos com a tecnologia YieldGard, que protegem as lavouras contra os ataques da lagarta-do-cartucho, lagarta da espiga e broca do colmo, há:

- DKB 330 YG: um superprecoce no florescimento e na colheita com um maior potencial produtivo na safrinha quando comparado aos concorrentes superprecoces do mercado. Além disso, apresenta alta sanidade foliar, com destaque para Cercospora. Trata-se de um híbrido ideal para os plantios do tarde pós-cereais de inverno e também na pós-colheita do fumo, feijão, entre outras. Também é uma excelente opção para silagem de grão úmido, onde apresenta grande digestibilidade e qualidade.

- DKB 350 YG: excelente sistema radicular, que permite superar os estresses hídricos, proporcionando ótima produtividade nos plantios de época normal e tardio com grãos semiduros alaranjados de grande aceitação comercial. Essas características, aliadas à Tecnologia YieldGard®, tornam o DKB 350 YG o híbrido mais plantado e líder na safrinha.

- DKB 390 YG: para regiões abaixo de 700 metros de altitude, tem ótima qualidade de colmo e de raiz e alto potencial produtivo. É indicado para os primeiros plantios de Verão e Safrinha.

- DBK 240 YG: híbrido precoce, com alto potencial produtivo, estabilidade no plantio do cedo e de época normal. Tem excelente qualidade de grãos e pode ser usado em todas as altitudes. Ideal para a região Sul do país.

Quem optar por cultivar híbridos convencionais, também encontra opções nos materiais da Dekalb.

- DKB 245: precoce mais produtivo, de grãos duros e alaranjados de excelente qualidade, indicado para a região Sul. Tem ótima sanidade foliar com alta tolerância a polysora. É altamente responsivo em performance produtiva ao manejo adequado de adubação.

- DKB 315: excelente performance produtiva na safrinha e plantios do tarde. Seu diferencial é a sanidade de planta, colmo e grãos. Híbrido superprecoce de altíssima performance produtiva e sadio. Tem excelente sistema radicular e grãos duros e alaranjados de excelente qualidade.

- DKB 615: híbrido diferenciado que apresenta excelente performance, de acordo com o manejo de tecnologia aplicado e época de plantio. O ciclo é superprecoce e permite melhor escalonamento de plantio e colheita, além de escapar das adversidade climáticas.
 
As informações são da assessoria de imprensa.

Agrolink
Página gerada em: 29/11/2014 06:21:21 - (5 min)

Notícias relacionadas

28/11/14 » Argentina é oficialmente autorizada a exportar sorgo à China
28/11/14 » Conab realiza nona etapa de fiscalização de estoques públicos
28/11/14 » IEA divulga prévia do valor da produção agropecuária
28/11/14 » Faeg alerta para incertezas na safrinha após o atraso no plantio
28/11/14 » Desenvolvimento do agronegócio depende de maior integração entre Estado e setor privado

Comentários (1)

Comente esse conteúdo preenchendo o formulário abaixo e clicando em enviar






- Opiniões expressas nesse ambiente são de exclusiva responsabilidade do autor e não necessariamente representam o posicionamento do Portal Agrolink.

06/08/2011 às 09:03h - Gostei muito , gostaria de receber mais conteúdo sobre novo esperimento p/ mercado. Obrigado! (Antonio Donisete da Silva jr.)