França considera zonas sem pesticidas

MUNDO

França considera zonas sem pesticidas

"Esta legislação será aplicada em todo o país"
Por: -Leonardo Gottems
767 acessos

A França está tentando introduzir zonas-tampão livres de pesticidas nas áreas habitacionais depois que vários prefeitos locais desafiaram o governo ao proibir combatentes de ervas daninhas, como o glifosato, em suas cidades. Uma agência da Organização Mundial da Saúde disse em 2015 que o glifosato provavelmente causa câncer e o presidente da França, Emmanuel Macron, prometeu bani-lo até 2021 em todo o país - levando a protestos entre os agricultores que dizem que precisam de alternativas. 

A ministra do Meio Ambiente, Elisabeth Borne, disse que começou a trabalhar na legislação para criar zonas de segurança residenciais para os pesticidas. “Deve haver uma distância mínima entre áreas residenciais e pulverização de pesticidas. Vou consultar nos próximos dias”, disse Borne na rádio France Inter na terça-feira. 

"Esta legislação será aplicada em todo o país, mas incluirá a possibilidade de adaptá-la às circunstâncias locais", disse ela. A proibição do uso de glifosato e outros pesticidas comerciais em espaços públicos, como parques, está em vigor desde janeiro de 2017 e foi estendida para incluir residências privadas e jardins este ano. 

A iniciativa do governo vem depois que um tribunal administrativo em Rennes, no oeste da França, decidiu na segunda-feira que Daniel Cueff, prefeito de Langoulet, havia ultrapassado sua autoridade ao proibir a pulverização de pesticidas a menos de 150 metros de residências em sua aldeia. Langoulet é um dos cerca de 20 municípios - incluindo Dijon, no leste da França, Saint-Jean, no sul, Fontoy, no norte, e Gennevilliers, perto de Paris - que proibiram o uso de pesticidas, com cerca de cinco deles direcionados especificamente ao glifosato. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink