Produção de agroquímicos na Argentina cresceu 13%

INFORMAÇÕES

Produção de agroquímicos na Argentina cresceu 13%

No entanto, o comércio exterior de agroquímicosapresentou queda nos valores e quantidades
Por: -Leonardo Gottems
117 acessos

A produção de agroquímicos na Argentina subiu 12,7% nos primeiros seis meses de 2019, após ter caído 14,1% em 2018, enquanto as importações do setor cresceram de 36,1% para chegar a US$ 866 milhões, segundo relatório divulgado recentemente pela consultoria Investigaciones Económicas Sectoriales (IES). O relatório destacou que o consumo de agrotóxicos e fertilizantes nitrogenados aumentou 29,1% no primeiro semestre de 2019, principalmente devido a um boom na área com trigo e milho e uma melhora no uso de tecnologia. 

O comércio exterior de agrotóxicos apresentou queda nos valores e quantidades: entre janeiro e junho deste ano, a exportação de agroquímicos alcançou US $ 99,2 milhões, 39,1% abaixo dos US $ 162,9 milhões registrados no ano de 2018. As exportações em quantidade chegaram a 32 mil toneladas, 76,5% abaixo das 136 mil toneladas de um ano atrás, e continuaram com a tendência negativa que começou em 2018 e continua até hoje. 

O declínio foi devido aos herbicidas à base de glifosato, que caíram 57,6% e totalizaram US$ 25,9 milhões, em comparação com US$ 61 milhões no mesmo período de 2018. O comportamento discrepante observado entre os embarques no exterior em valores e quantidades é explicado pelo aumento do preço médio. 

Assim, nos primeiros seis meses do ano, o preço médio de exportação foi de US$ 3.104 por tonelada, 159,4% superior aos US$ 1.197 observados no mesmo período de 2018. A produção de soja está crescendo na Argentina e também o uso de agrotóxicos. De 1995 até hoje, todos os governos apoiam esse modelo, independentemente da quantidade de estudos científicos publicados sobre o quanto eles são prejudiciais ou não à saúde.  


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink