Bula Ancosar 720 - Sipcam Nichino
CME MILHO (SET/20) US$ 3,076 (-1,22%)
| Dólar (compra) R$ 5,41 (1,29%)

Bula Ancosar 720

MSMA
3705
Sipcam Nichino

Composição

MSMA 720 g/L

Classificação

Terrestre
Herbicida
4 - Produto Pouco Tóxico
III - Produto perigoso
Não inflamável
Não corrosivo
Concentrado Solúvel (SL)
Pós-emergência, Contato, Translocação

Frascos de Polietileno de 1, 5, 20, 50, 100 e 200 Litros.

INSTRUÇÕES DE USO

ANCOSAR 720 é um herbicida com ação de contato e de translocação, recomendado para uso em pós-emergência de algumas espécies de plantas daninhas monocotiledôneas (Capim carrapicho (Cenchrus echinatus), Capim-colchão (Digitaria horizontalis) e Capim-marmelada (Brachiaria plantaginea)) e dicotiledôneas (Carrapicho-de-carneiro (Acanthospermum hispidum), Serralha (Sonchus oleraceus) e Picão-preto (Bidens pilosa)),

MODO DE APLICAÇÃO

ANCOSAR® 720 deve ser aplicado em jato dirigido para as plantas daninhas alvo, as quais devem estar em pós-emergência para que ocorra a absorção foliar do herbicida, tomando-se o cuidado de não atingir as folhas das culturas do algodão ou do citros.

EQUIPAMENTO DE APLICAÇÃO

- Deve ser aplicado com equipamento terrestre, pulverizador costal ou tratorizado, calibrado para que o produto tenha uma boa distribuição e cobertura sobre as folhas das plantas infestantes;
- Use bicos de jato plano tipo leque;
- Recomenda-se o volume de calda de 200 a 400 L/ha, de acordo com o estádio de desenvolvimento das plantas daninhas e o equipamento de aplicação.
- Assegure-se da boa distribuição da calda nas plantas daninhas alvo, para que ocorra devidamente a absorção foliar do produto e consequentemente, uma ação efetiva no controle destas infestantes.
- Não aplicar com ventos superiores a 10 km/h, evitando sempre que ocorra deriva durante a
pulverização da calda.

MOMENTO DA APLICAÇÃO

Os melhores resultados são obtidos quando:
- Temperatura superior a 20ºC, por estar relacionada ao melhor funcionamento do produto;
- Plantas infestantes em bom estado de vigor vegetativo, no início do desenvolvimento;
Evitar a aplicação do produto em dias nublados ou com prenúncio de chuva e período de estresse
hídrico. Observar um período de 6 horas sem chuvas após a aplicação.

INTERVALO DE SEGURANÇA

Algodão: 43 dias.
Cana-de-açúcar: Não determinado devido à modalidade de emprego
Citros: 143 dias.

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NAS CULTURAS E ÁREAS TRATADAS

Não entre até a completa secagem da calda. Caso necessite entrar na área cujo agrotóxico foi aplicado, antes deste período, use todos os Equipamentos de Proteção Individual (EPI's) citados no item PRECAUÇÕES DURANTE O USO.

LIMITAÇÃO DE USO

• Evite a aplicação em dias nublados ou com prenúncios de chuvas.
• Os usos do produto ANCOSAR® 720 estão restritos aos indicados no rótulo e bula.
• Quando este produto for utilizado nas doses e modo de aplicações recomendadas, não causará danos às culturas indicadas.
FITOTOXICIDADE: ANCOSAR 720, usado na dose e época recomendada, não apresenta efeito fitotóxico.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana – ANVISA/MS.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pelo Meio Ambiente – IBAMA/MMA.

Recomenda-se que o preparo do solo para o plantio seja realizado corretamente e de acordo com o
sistema de cultivo adotado. Além disso, deve-se realizar devidamente as operações de cultivo de
modo a diminuir a infestação das plantas daninhas e sua disseminação na área.

O uso sucessivo de herbicidas do mesmo mecanismo de ação para o controle do mesmo alvo pode contribuir para o aumento da população da planta daninha alvo resistente a esse mecanismo de ação, levando a perda de eficiência do produto e um consequente prejuízo.
Como prática de manejo de resistência de plantas daninhas e para evitar os problemas com a resistência, seguem algumas recomendações:
• Rotação de herbicidas com mecanismos de ação distintos do Grupo Z para o controle do mesmo alvo, quando apropriado.
• Adotar outras práticas de controle de plantas daninhas seguindo as boas práticas agrícolas.
• Utilizar as recomendações de dose e modo de aplicação de acordo com a bula do produto.
• Sempre consultar um engenheiro agrônomo para o direcionamento das principais estratégias regionais para o manejo de resistência e a orientação técnica da aplicação de herbicidas.
• Informações sobre possíveis casos de resistência em plantas daninhas devem ser consultados e, ou, informados à: Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas (SBCPD: www.sbcpd.org), Associação Brasileira de Ação à Resistência de Plantas Daninhas aos Herbicidas (HRAC-BR: www.hrac-br.org), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA: www.agricultura.gov.br).

GRUPO Z HERBICIDA

O produto herbicida ANCOSAR® 720 é composto por Sodium hydrogen methylarsonate (MSMA), que apresenta mecanismo de ação desconhecido, pertencente ao Grupo Z, segundo classificação internacional do HRAC (Comitê de Ação à Resistência de Herbicidas).