Bula Reacher - Koppert

Bula Reacher

Trissolcus basalis
40317
Koppert

Composição

Trissolcus basalis 100 Insetos por cápsula

Classificação

Terrestre/Aérea
Agente Biológico de Controle, Inseticida biológico
Não determinada devido à natureza do produto (inimigo natural).
IV - Produto pouco perigoso ao meio ambiente
Não inflamável
Não corrosivo
Insetos vivos
Inseticida biológico, Agente biológico de controle

Todas as culturas com ocorrência do alvo biológico

Nezara viridula (Percevejo verde)

Tipo: Cápsula.
Material: Papelão.
Capacidade: 100 parasitoides/cápsula.

INSTRUÇÕES DE USO

REACHER (Trissolcus basalis) é um agente biológico de controle utilizado no controle do Percevejo-verde (Nezara viridula) em todas as culturas na qual ocorra.

TRANSPORTE E ARMAZENAMENTO DO PRODUTO

Transporte sem acondicionamento especial. Produto viável por 5 dias após o recebimento, se armazenado em temperatura entre 15º e 20ºC.

NÚMERO, ÉPOCA E INTERVALO DE APLICAÇÃO
Três liberações. As liberações devem ser realizadas no início da manhã, em 50 pontos/ha, e em intervalos de 7 dias. Recomenda-se a liberação dos parasitoides nas bordas da lavoura quando a soja estiver no final do florescimento, momento em que os primeiros percevejos iniciam a colonização e oviposição na cultura. No cultivo da soja, para o sucesso do controle do percevejo-verde com Trissolcus basalis é importante realizar o manejo de outros alvos biológicos presentes na cultura com produtos seletivos, por exemplo, Baculovírus Anticarsia gemmatalis, ou que não impactem negativamente as populações do parasitoide. Não se recomenda o uso de Trissolcus basalis quando não houver a presença de Nezara viridula na área; quando a população do percevejo já for muito alta, próxima do nível de dano; ou quando for utilizado inseticida não seletivo para o controle de outros insetos.

MODO / EQUIPAMENTO DE APLICAÇÃO

Aplicação terrestre

Cada cápsula do produto comercial contém 100 pupas do parasitóide Trissolcus basalis. Desta forma, aplicando-se uma cápsula em cada um dos 50 pontos de aplicação teremos um total de 5000 insetos/hectare. Os 50 pontos devem ser distribuídos nas bordas do talhão, verificando o perímetro do talhão (que vai variar em função do formato dele) e dividir por 50. Aplicação aérea: uma maquina a ser acoplada dentro do tanque da aeronave, faz as liberações automaticamente, basta que o piloto sobrevoe as bordas dos talhões. A máquina é facilmente ajustada e calibrada para liberar as 50 cápsulas por hectare.

INTERVALO DE SEGURANÇA
Não se aplica em função das características do agente biológico de controle (organismos vivos).

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NA CULTURA E ÁREAS TRATADAS

Não se aplica em função das características do agente biológico de controle (organismos vivos).

INFORMAÇÕES REFERENTES A SUA COMPATIBILIDADE COM OUTROS PRODUTOS

Produto incompatível com aplicação de inseticidas químicos seletivos a este organismo.

LIMITAÇÕES DE USO

Os usos do produto estão restritos aos indicados no rótulo e bula.

ESPECIFICAÇÕES DOS EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL APROPRIADOS PARA A APLICAÇÃO DO PRODUTO, BEM COMO MEDIDAS DE PROTEÇÃO COLETIVA

Os equipamentos de proteção individual apropriados para a aplicação do produto devem ser: botas e óculos de proteção. Não existe necessidade de medidas de proteção coletiva.

INFORMAÇÕES SOBRE OS EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL A SEREM UTILIZADOS

Os equipamentos de proteção individual apropriados para a aplicação do produto devem ser: botas e óculos de proteção.

DESCRIÇÃO DOS PROCESSOS DE TRÍPLICE LAVAGEM DA EMBALAGEM OU TECNOLOGIA EQUIVALENTE

Não se aplica. Produto contém apenas organismos vivos não havendo necessidade de descontaminação.

INFORMAÇÕES SOBRE OS PROCEDIMENTOS PARA A DEVOLUÇÃO, DESTINAÇÃO, TRANSPORTE, RECICLAGEM, REUTILIZAÇÃO E INUTILIZAÇÃO DAS EMBALAGENS VAZIAS

Não se aplica. Produto biológico contendo organismos vivos, não havendo necessidade de recolhi-mento dos restos de produtos e nem de embalagens, pois as mesmas são feitas de papelão, podendo serem descartadas em qualquer lixo comum (reciclável).

INFORMAÇÕES SOBRE OS PROCEDIMENTOS PARA A DEVOLUÇÃO E DESTINAÇÃO DE PRODUTOS IMPRÓPRIOS PARA UTILIZAÇÃO OU EM DESUSO

Não se aplica. Produto biológico contendo organismos vivos, não havendo necessidade de recolhimento dos restos de produtos e nem de embalagens, pois as mesmas são feitas de papelão, podendo serem descartadas em qualquer lixo comum (reciclável).

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana – ANVISA/MS.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pelo Meio Ambiente – IBAMA/MMA.

Incluir na sistemática de inspeção ou monitoramento e controle de pragas, quando a infestação atingir o limite de prejuízo econômico, outros métodos de controle de pragas (ex.: controle cultural, biológico, rotação de inseticidas, acaricidas etc.) visando o programa de Manejo Integrado de Doenças.

O inseto não desenvolve resistência ao seu próprio feromônio.