8 acessos
Insumos > Inoculantes

Ácido Indolbutírico Aib Puro | Hormônio Enraizador - 50g

Descrição

HORMÔNIO ENRAIZADOR ÁCIDO INDOLBUTÍRICO AIB PURO
PRODUTO 100% AIB

GRAU DE PUREZA: 80% (CORRESPONDE 800.000 PPM)

50 GRAMAS

O hormônio está em sua forma pura e não diluido em nenhum talco
Enraizador para alporquia, estaquia e enraizamento em geral.
Produto Garantido 100% AIB

O AIB, pela sua estabilidade à fotodegradação e por apresentar boa capacidade de promover a formação de primórdios radiculares, tem sido utilizado no enraizamento de estacas de inúmeras espécies, principalmente daquelas que apresentam dificuldades de formar raízes. As concentrações de AIB, bem como a forma e o tempo de aplicação são variáveis em função de diversos fatores. Normalmente, quando são utilizadas soluções concentradas (1.000 a 10.000mg L-1), a aplicação é feita pela imersão rápida (5 segundos) da estaca, sendo que, para a maioria das espécies, os melhores resultados são obtidos nas concentrações de 2.000 a 3.000mg L-1 já quando são utilizadas soluções diluídas (< 1.000mg L-1) o tempo de imersão da base da estaca deve ser de 12-24 horas, sendo que os melhores resultados, geralmente, são obtidos nas concentrações entre 200 e 300mg L-1.

PRINCIPAIS EFEITOS E UTILIZACAO:
1 - Alongamento de raizes e aumento na porcentagem de enraizamento. Desenvolvimento e aumento do volume de raizes.
2 - Reforçador radicular;
3 - Utilizacao para produção e propagação de mudas por estacas. O fitohormonio estimula o enraizamento das mesmas, facilitando o pegamento e o plantio das espécies.
4 - A raiz fortalecida colabora para que haja melhor resultado nas plantas, alcancando porte muito mais sadio e precoce, além de melhorar o florescimento.

Os fitormonios:
Uma planta precisa de diversos fatores, internos e externos, para crescer e se desenvolver, e isto inclui diferenciar-se e adquirir formas, originando uma variedade de células, tecidos e órgãos.
Como exemplos de fatores externos que afetam o crescimento e desenvolvimento de vegetais, podemos citar luz (energia solar), dióxido de carbono, água e minerais, incluindo o nitrogênio atmosférico (fixado por bactérias fixadoras e cianofíceas), temperatura, comprimento do dia e gravidade.
Os principais fatores internos são os chamados hormônios vegetais ou fitormônios, substâncias químicas que atuam sobre a divisão, elongação e diferenciação celular.
Geralmente todo ou quase todo o hormônio vegetal de uma planta pode ser encontrado na forma conjugada – ou seja, ligado a outras substâncias como açúcares, acúcares-alcoóis, aminoácidos, peptídeos ou mesmo proteínas. A hidrólise dos conjugados inativos dos tecidos da plantas libera a forma “livre”, ou ativa do hormônio.
Hormônios vegetais são substâncias orgânicas que desempenham uma importante função na regulação do crescimento. No geral, são substâncias que atuam ou não diretamente sobre os tecidos e órgãos que os produzem (existem hormônios que são transportados para outros locais, não atuando em seus locais de síntese), ativos em quantidades muito pequenas, produzindo respostas fisiológicas especificas (floração, crescimento, amadurecimento de frutos etc.)
As Auxinas:
As auxinas são hormônios que conduzem o alongamento celular diferencial e funcionam como reguladores do crescimento dos vegetais. São sintetizados principalmente pelos meristemas apicais caulinares e em primórdios foliares, nas folhas jovens e nas sementes em desenvolvimento e se espalham até as outras zonas da planta, principalmente para a base, onde se estabelece um gradiente de concentração. Tal movimento da auxina é realizado através do parênquima que rodeia os vasos condutores. Em condições de estresse há uma baixa síntese de auxina e um aumento de auxinas “unidas”. A aplicação de auxinas em uma planta induz que haja síntese de auxinas naturais no tecido, e ainda pode ocorrer quando houver a indução de outros hormônios. Altas doses de auxina podem estimular a síntese de etileno e causar efeitos negativos no crescimento ou até a morte do tecido.
A síntese de auxinas é identificada em diversos organismos como plantas superiores, fungos, bactérias e algas, e quase sempre está relacionada com etapas de intenso crescimento.
A presença e a importância dos hormônios vegetais se estabeleceram devido aos estudos sobre as auxinas. Sobre elas há amplas e profundas informações científicas que nos permitem conhecer com mais precisão como funcionam os hormônios nas plantas. Junto com as giberelinas e ascitocininas, as auxinas regulam múltiplos processos fisiológicos nas plantas.
Seu representante mais abundante na natureza é o ácido indolacético (AIA), derivado do aminoácido triptofano, sendo o mais relevante em quantidade e atividade. É, ainda, o precursor da forma ativa da auxina que controla muitos de seus processos metabólicos. Outros produtos são os ácidos naftaleno-acético, indol-butírico e indol-propiônico, que têm efeitos semelhantes e não devem ser chamados de hormônios, mas de reguladores de crescimento, já que não são naturalmente produzidos pelos vegetais.
As auxinas produzidas nos tecidos vegetativos podem exercer seus efeitos onde foram produzidas, mas também podem se translocar a outras partes da planta, mediante um fluxo feito para "baixo", e lá exercerem seus efeitos. O transporte das auxinas produzidas nas raízes parece ter um fluxo oposto à parte vegetativa, mostrando ser feito para cima. Em ambos os casos se reconhece que o floema é o tecido vascular por onde ocorre a translocação.
As auxinas são reconhecidas como um hormônio muito importante para o desenvolvimento das plantas e sua utilização comercial na agricultura tem sido muito limitada em relação a outros hormônios. Em geral, as plantas tratadas com auxinas mostram respostas significativas em seu crescimento vegetativo e também em certos processos onde se observam efeitos diretos, como por exemplo, na reprodução sexual, no amadurecimento e crescimento do fruto, em ações herbicidas e outros.

PARA COMPRAS DIRETAS, ACESSE:
www.viafloragro.com
ou
https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-760392921-hormnio-enraizador-acido-indolbutirico-100-aib-puro-50g-_JM

ViaFlor Agro
Bom Sucesso/MG
Em Dinheiro
R$ 150,00
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink