SOJA

Demanda firme e dólar elevado sustentam valores da soja no BR

Na sexta-feira, 16, o Indicador da soja ESALQ/BM&FBovespa Paranaguá subiu ligeiro 0,26%
Por:
281 acessos

Os preços internos da soja e de seus derivados seguem sustentados pela firme demanda, principalmente da China, e pela elevação do dólar frente ao Real. Nesse cenário, parte dos vendedores brasileiros está retraída, estocando para negociar no segundo semestre, limitando assim a comercialização no curto prazo.

Na sexta-feira, 16, o Indicador da soja ESALQ/BM&FBovespa Paranaguá subiu ligeiro 0,26% frente ao do dia 9, a R$ 69,53/sc de 60 kg. O Indicador CEPEA/ESALQ Paraná caiu ligeiro 0,3% no mesmo período, fechando a R$ 64,10/sc de 60 kg na sexta, 16.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink