Mercado físico puxa milho na B3: VEJA
CI
BOLSA DE MERCADORIAS

Mercado físico puxa milho na B3: VEJA

Em Chicago o milho sobe 1,82% com preocupações climáticas nos Estados Unidos
Por: -Leonardo Gottems

O milho voltou a fecha em alta na Bolsa de Mercadorias de São Paulo (B3), dessa vez puxado pela grande atividade do mercado físico, segundo a TF Agroeconômica. “Nesta quinta-feira a atividade do mercado físico foi muito intensa, com a exportação levando a maioria dos lotes, pagando preços maiores do que o mercado interno e aparentemente começando o processo do qual vimos falando de protagonismo da exportação no segundo semestre de 2022. Vendo isto, os investidores começaram a se proteger e a ficar do lado comprado do mercado”, comenta.

“Com isto, as cotações futuras fecharam em alta no dia e queda na semana: o vencimento setembro/22 fechou a R$ 87,31, alta de R$ 1,46 no dia e queda de R$ 1,20 na semana nos últimos 5 pregões (semana); já novembro/22 fechou a R$ 89,26, alta de R$ 1,33 no dia e queda de R$ 1,27 na semana e janeiro/23 fechou a R$ 92,23, alta de R$ 1,65 no dia e queda de R$ 1,03 na semana”, completa.

Em Chicago o milho sobe 1,82% com preocupações climáticas nos Estados Unidos. “A cotação do milho para setembro, que é o novo mês base, fechou em alta de 1,82% ou $ 10,75 cents/bushel a $ 602,25. A cotação para março 2023, início da nossa safra de verão, fechou em alta de 1,61% ou $ 9,75 cents ou a $ 614,50”, indica.

“Os dados da FAS mostraram que 57.914 toneladas de milho de safra velha foram contabilizadas durante a semana encerrada em 28/07, queda de 150k T de vendas na semana passada e 68k T abaixo da mesma semana do ano passado. Japão e México foram os principais compradores de safra velha, parcialmente compensados por cancelamentos da destinos desconhecidos. Para a nova safra de milho, a atualização semanal mostrou que 256.685 MT foram contabilizados. Isso é p de 194k MT na semana passada e estava dentro do intervalo das estimativas”, conclui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.