Feijão: Preços estáveis e boa demanda
CI
Imagem: Ibrafe
PULSANTE

Feijão: Preços estáveis e boa demanda

A importação da Argentina está praticamente parada pelas confusões econômicas naquele país
Por: -Leonardo Gottems

Os preços dos feijões brasileiros parecem ter encontrado um ponto de estabilidade e a demanda voltou a aquecer, informa o Ibrafe (Instituto Brasileiro de Feijão e Pulses). De acordo com boletim da entidade, o Feijão-preto segue estável no Sul do Brasil, com referências que vão de acordo com a qualidade, oscilando entre uma faixa de R$ 180 até R$ 210. 

“Ao produtor já têm sido percebido que diminuiu sensivelmente o volume vendido para algumas regiões onde o consumidor compra preço e, com o Feijão-carioca mais caro durante alguns meses, neste ano migraram para o Feijão-preto. Agora com o Feijão-carioca um pouco mais acessível e, por outro lado, com Feijões comerciais que abasteceram durante junho e parte de julho, a demanda sobre Feijão-preto diminuiu um pouco”, aponta Marcelo Lüders, presidente da entidade mais representativa de pulses no Brasil.

De acordo com o dirigente, a importação da Argentina está praticamente parada pelas confusões econômicas naquele país. Há importadores com cargas pagas bloqueadas nas fronteiras do lado argentino. 

“No Feijão-carioca ontem, tanto produtores como empacotadores respiraram aliviados quando começaram a sair os negócios para nota 9 ou melhor a R$ 290 em Goiás, no Vale do Araguaia, nota 8,5 a R$ 270/275 próximo a Brasília e R$ 290/295 em Minas Gerais. O alívio vem dos preços terem encontrado um piso para o momento, ao que tudo indica”, aponta o Ibrafe.

“Diversos empacotadores comentaram que estão começando a comprar, pois o varejo começou a demandar. Ainda não é uma reação de compra mais forte por parte do consumidor e há regiões que a demanda do varejo está ao redor de 30% abaixo do esperado para este período. Ainda assim, não vão mais esperar, pois timidamente ocorreram alguns poucos negócios”, conclui Lüders.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.