RS poderá antecipar colheita de trigo
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,782 (-0,26%)
| Dólar (compra) R$ 5,38 (2,78%)

Imagem: Marcel Oliveira

CEREAIS DE INVERNO

RS poderá antecipar colheita de trigo

“O trigo no Rio Grande do Sul continua sem negócios, embora haja demanda"
Por: -Leonardo Gottems
558 acessos

De acordo com a T&F Consultoria Agroeconômica, a colheita de trigo poderá ser antecipada em algumas regiões. “Devido ao tempo seco das últimas semanas, é possível que a colheita seja antecipada em algumas regiões. Espera-se também um padrão baixo de DON, algo recorrente no estado”, comenta. 

“O trigo no Rio Grande do Sul continua sem negócios, embora haja demanda. Preço dos moinhos para outubro R$ 1.200,00/t FOB. Para novembro e dezembro, sem ideias de preço, nem de vendedor, nem de comprador, porque ambos estão esperando o início da colheita para ver o tamanho e a qualidade da próxima safra para se posicionar”, completa. 

Em Santa Catarina, os moinhos ainda seguem aguardando a safra, a maioria abastecidos até o final do mês. “A maioria dos moinhos de Santa Catarina tem estoques para emendar as safras, embora estejam acompanhando as ofertas do trigo paranaense disponível. Mas, raríssimos negócios efetuados. O trigo local só começará a ser colhido em outubro”, informa. 

No Paraná, a oferta local já é de 800 mil toneladas de safra nova. “Com 23% da safra colhida, o Paraná já dispõe de aproximadamente 800 mil toneladas para serem adquiridas pelo mercado.  Reportes de negócio no Norte a 1.150/t FOB e R$ 1.050,00 direto para o produtor.  Mesmos trigos mais fracos de PH >75 e com Falling mais baixo ainda estão com pedidas altas, em torno de 1.100/t.  FOB, mas os últimos colhidos apresentam FN entre 250 ou mais”, diz. 

Os preços finais do trigo argentino posto nos moinhos do Sul do Brasil fecharam em baixa nesta terça-feira nos valores CIF. “Nos moinhos do Rio Grande do Sul e do Paraná, por via marítima (portos de Rio Grande e Paranaguá), atingirem cerca de R$ 1.478,03 (1.484,72)  em  Setembro,  R$  1.481,45  (1.480,09)  em  Outubro,  R$  1.366,04  (1.354,16)  em  novembro,  R$  1.356,48  (1.355,32)  em Dezembro, R$ 1.383,61 (1.382,50) em Janeiro e R$ 1.395,18 (1.388,72) em Fevereiro”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink