Agronegócio

Rio+20 é a chance do agronegócio brasileiro mostrar sua grandeza

A discussão principal vai ser a produção de mais alimentos de forma sustentável
Por:
1242 acessos
A Conferência Rio+20, que acontecerá entre os dias 20 e 22 de junho, será a grande oportunidade para o setor mostrar a grandeza do agronegócio nacional. “A discussão principal vai ser a produção de mais alimentos de forma sustentável”, apontou o presidente da Associação Brasileira do Agronegócio (ABAG), Luiz Carlos Corrêa Carvalho, durante o Fórum ABAG-Cocamar – Integração Lavoura, Pecuária e Floresta, realizado na sexta, 18, em Maringá (PR), na 40ª edição da Expoingá.
 
Na avaliação de Carvalho, a mídia tem que entender que o Brasil é o país do agronegócio e considerou a discussão sobre o código florestal histérica. O dirigente lembrou que o mundo depende do agronegócio brasileiro para se alimentar e destacou a importância do sistema de Integração Lavoura Pecuária e Floresta (ILPF) neste processo. “A ILPF será nova a revolução na agricultura, alimentando o mundo de forma sustentável. O mundo está olhando o Brasil e atenta para esta revolução tecnológica, com as cooperativas acelerando este processo”, frisou.
 
Também presente na abertura do evento, o secretário de Agricultura do Paraná, Norberto Ortigara, afirmou que o foco não é mais discutir a ILPF, mas a velocidade em que o sistema deverá ser adotado pelos produtores. Ortigara garantiu que o governo do estado está empenhado em qualificar o quadro técnico, como forma de auxiliar na expansão da Integração. “Já temos um produtor mais preparado e estamos preparando novos profissionais qualificados. O governo tem disposição para fazer uma aliança, esta grande intervenção positiva, produzindo resultado para o agricultor e para a sociedade”, concluiu.
 
O presidente da Cocamar, Luiz Lourenço, ratificou que a cooperativa acredita na ILPF. “Isso vai mudar a agricultura brasileira, pelo potencial de recuperação de área. Precisamos de uma mudança de atitude”, disse.
 
Material distribuído por: Mecânica de Comunicação Ltda.; Texto de Dylan Della Pasqua

Veja também

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink