Previsões da soja revisadas para baixo pelo USDA

MERCADO

Previsões da soja revisadas para baixo pelo USDA

Para o Brasil, a produção deve fechar em 117 milhões de toneladas
Por: -Leonardo Gottems
853 acessos

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) divulgou o seu relatório de oferta e demanda para o agronegócio mundial, depois de um mês sem estatísticas, e acabou revisando para baixo a produção mundial de soja. De acordo com as informações, a produção ao redor do mundo deve fechar em 360 milhões de toneladas, contra 369 milhões do relatório de dezembro. 

Nesse cenário, a produção norte-americana da oleaginosa deve ser de 123,7 milhões de toneladas e os estoques ficarão em 24,77 milhões, sendo que o relatório de dezembro apontava números como 125,19 milhões e 25,99 milhões, respectivamente. Isso porque a produtividade também caiu, passando de 58,39 sacas por hectare para 57,83 sacas por hectare. 

As perspectivas para as exportações dos Estados Unidos para a próxima safra caíram de 61,71 milhões de toneladas, para 51,3 milhões. Já a área plantada ficou em 36,1 milhões de hectares e a área colhida em 35,65 milhões. 

Para o Brasil, o Departamento afirmou que a produção fechará a próxima safra com um total de 117 milhões de toneladas, uma queda de 5 milhões de toneladas quando comparada com o relatório de dezembro, que computou 122 milhões. Assim, as exportações da oleaginosa brasileira também devem cair, de 81 milhões para 79,5 milhões de toneladas, aumentando os estoques finais para 24,23 milhões. 

Na Argentina, as previsões foram modestas e a queda na produção não foi considerável perto dos dois outros países, passando de 55,5 milhões do relatório de dezembro para 55 milhões de toneladas do último levantamento. Em relação aos estoques finais e o nível de exportação, os dois permaneceram inalterados, com 41,3 milhões e 5 milhões de toneladas, respectivamente. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink