Estresse por altas temperaturas em trigo: impacto no desenvolvimento e mecanismos de tolerância

Trigo

Estresse por altas temperaturas em trigo: impacto no desenvolvimento e mecanismos de tolerância

Estresse por altas temperaturas em trigo: impacto no desenvolvimento e mecanismos de tolerância
Por:
781 acessos

O   estresse   provocado   por   altas temperaturas  é  um  dos  principais  fatores ambientais que limitam a produção de trigo, em muitas partes do mundo. A expansão da triticultura  para  o  Brasil  Central,  está  sendo possível com o desenvolvimento     de genótipos  produtivos  e  principalmente  com tolerância  as  altas  temperaturas.  O  objetivo desta  revisão  é  caracterizar  o  estresse  por altas     temperaturas     e     apresentar     as principais  características  empregadas  nos programas de melhoramento para tolerância a esse tipo de estresse em trigo.

Veja na integra clicando aqui.

Autores: Guilherme Ribeiro; Adérico Júnior Badaró Pimente; Moacil Alves de Souza;  João Romero do Amaral Santos de Carvalho Rocha; Wallisson Basílio da Fonseca

 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink