Curso Intensivo de Bases fisiológicas do rendimento das plantas cultivadas

Participe do Curso de Atualização Técnica em Fisiologia Vegetal que acontecerá nos dias 15 e 16 de setembro no Park Hotel Morotim em Santa Maria/RS e entenda melhor os fatores que interferem no desenvolvimento das plantas cultivadas, os mecanismos de controle envolvidos e quais as ações técnicas que auxiliam para o melhor rendimento das culturas.


Veja o programa e a forma de inscrição abaixo.

50 vagas.


1) Proponentes

Ministrante: Engenheiro-Agrônomo Dr. Elmar Luiz Floss (Dr., Professor Titular da Agronomia, Biologia e dos Programas de Pós-Graduação da Universidade de Passo Fundo, com vasta experiência em Fisiologia Vegetal)
Realização: Plantio Direto Eventos (Este será o VIII Curso realizado no Brasil)

2) Objetivo Geral

Propiciar aos Engenheiros-agrônomos, Biólogos, Técnicos Agrícolas e Estudantes uma atualização sobre os princípios fisiológicos que regem o potencial produtivo das plantas cultivadas, relacionando-os com as interações proporcionadas pela influência do homem e dos fatores ambientais no rendimento das lavouras e na produção de alimentos.


3) Objetivos específicos

- Conhecer os princípios da fisiologia vegetal aplicados a produção de grãos;

- Identificar os estádios fenológicos de desenvolvimento das plantas;

- Relacionar os fatores ambientais e quantificar suas interações com o potencial produtivo das plantas;

- Reconhecer os fatores limitantes que influenciam no desempenho da produção de grãos;

- Relacionar o efeito competitivo e/ou degenerativo da incidência de moléstias, pragas e plantas daninhas na produção de grãos e,

- Propiciar maior conhecimento para o planejamento e condução de lavouras.



4) Público alvo

- Engenheiros-Agrônomos;

- Técnicos Agrícolas;

- Biólogos;

- Estudantes da Graduação e da Pós-Graduação


5) Vagas

Mínimo de 45 e máximo 50 participantes.


6) Forma de apresentação

- Apresentação de material na forma de projeção, discussão e estudos de caso e interação com os participantes com o objetivo de esclarecer dúvidas e aprofundar as questões propostas.


7) Carga horária

16 horas aula (14:00 às 22:00 e 08:00 às 18:00) em dois dias intensivos.

Ao término do curso os participantes receberão certificado de participação.


15/Setembro – Tarde e noite (14h as 22h)

16/Setembro – Manhã e tarde (08h as 18h)


8) Custo: R$ 150,00/participante


9) Local: PARK HOTEL MOROTIM – FAIXA CAMOBI – SALA “B”




10) Programação

Módulo 1 – Aspectos gerais da fisiologia vegetal


Capítulo 1 – Aspectos gerais da fisiologia vegetal
1.1 Generalidades;

1.2 A fisiologia das plantas cultivadas;

1.3 Objetivos da fisiologia vegetal;

1.4 Conhecendo a planta;

1.5 Desenvolvimento vegetal;

1.6 A fisiologia vegetal e a agricultura;

1.7 A fisiologia vegetal como ciência.


Módulo 2 – Ecofisiologia da produção vegetal


Capítulo 2 – Fotossíntese
2.1 Estudo do aparelho fotossintético;

2.2 Estudo da energia radiante;

2.3 Reações da fotossíntese;

2.4 Destinos dos fotoassimilados;

2.5 Translocação dos fotoassimilados;

2.6 Partição dos fotoassimilados;

2.7 Fatores que influem na fotossíntese;

2.8 Eficiência fotossintética.


Capítulo 3 – Respiração
3.1 Importância da respiração;

3.2 Principais órgãos de ocorrência da respiração;

3.3 Metabolismo da respiração;

3.4 Controle da respiração.


Capítulo 4 – Produtividade vegetal
4.1 A produtividade vegetal;

4.2 Principais processos fisiológicos da produção;

4.3 Formação da produção econômica;

4.4 Produtividade das culturas.



Módulo 3 – Crescimento e desenvolvimento das plantas cultivadas


Capítulo 5 – Germinação das sementes
5.1 Importância da semente;

5.2 Fisiologia e bioquímica da germinação;

5.3 Controle ambiental da germinação;

5.4 Controle hormonal da germinação;

5.5 Vigor das sementes;

5.6 Deterioração das sementes;

5.7 Longevidade;

5.8 Dormência;

5.9 Quiescência.


Capítulo 6 – Crescimento e desenvolvimento
6.1 Dinâmica do crescimento vegetal;

6.2 Análise quantitativa do crescimento;

6.3 Desenvolvimento;

6.4 Fases fenológicas do desenvolvimento;

6.5 Controle do desenvolvimento.


Capítulo 7 – Floração
7.1 Juvenilidade;

7.2 Sexualidade das plantas;

7.3 Fotoperiodismo;

7.4 Vernalização;

7.5 Termoperiodismo;

7.6 Hidroperiodismo;

7.7 Estrutura da flor e reprodução.


Capítulo 8 – Frutificação
8.1 Formação de sementes;

8.2 Morfologia da semente;

8.3 Composição química da semente;

8.4 Maturação fisiológica;

8.5 Hormônios na formação da semente;

8.6 Papel das sementes no crescimento dos frutos;

8.7 Formação de frutos;

8.8 Fisiologia da pós-colheita de frutos.


Capítulo 9 – Senescência
9.1 Causas da senescência;

9.2 Tipos de senescência;

9.3 Processos fisiológicos envolvidos com a senescência;

9.4 Controle da senescência.


Capítulo 10 – Controle hormonal do desenvolvimento
10.1 Auxinas;

10.2 Giberelinas;

10.3 Citocininas;

10.4 Etileno;

10.5 Ácido abscísico;

10.6 Outros inibidores de crescimento;

10.7 Brassicinas;

10.8 Ácido salicílico;

10.9 Ácido jasmônico.


Capítulo 11 – Controle ambiental do desenvolvimento
11.1 Radiação solar;

11.2 Ar;

11.3 Calor;

11.4 Permeabilidade do solo;

11.5 pH;

11.6 Nutrientes.


Capítulo 12 – Água e desenvolvimento das culturas
12.1 Difusão, osmose e embebição;

12.2 Relações água-solo;

12.3 Relações água-planta;

12.4 Absorção de água pelas plantas;

12.5 Funções da água pelas plantas;

12.6 Funções da água nas plantas;

12.7 Classificação das plantas quanto à exigência em água;

12.8 Perda de água pelas plantas;

12.9 Água e produtividade vegetal.



Informações Gerais

  • 15/09/2006 à 16/09/2006
  • RS - Santa Maria
    Park Hotel Morotim
  • Gratuíto

Localização do Evento