Promadeira 2006

Um dos objetivos da Feira PROMADEIRA 2006 é manter empresários e agentes do setor de base florestal informados sobre novidades e assuntos relevantes do setor no cenário atual. Para isto, serão realizadas durante a feira várias Palestras Técnicas, que irão abordar temas relacionados ao setor como a utilização de resíduos de produtos madeireiros, tecnologias utilizadas na Europa, reflorestamento de Teca, exportação da madeira e seus derivados, política e legislação de florestas e a geopolítica verde.

Discutir formas de rentabilizar o setor transformando resíduos madeireiros em outros produtos e tentar aumentar o índice de aproveitamento da madeira no produto final são os objetivos das palestras ‘Transferência de Tecnologia Europa x Mato Grosso’ e ‘Bolsa de Negócios de Resíduos de Produtos Madeireiros’, temas que serão apresentados no dia 24 de agosto (quinta-feira), a partir das 19h. “O destino dos resíduos sólidos é um dos principais problemas que empresários do setor enfrentam na região, visto que o Estado produz em média 60% de sobras de resíduos no aproveitamento de toras para comercialização”, analisa o presidente do Sindicato das Indústrias Madeireiras do Norte do Estado de Mato Grosso (Sindusmad), Jaldes Langer.

A palestra ‘Transferência de Tecnologia’ será proferida às 19h pelo consultor alemão Uli Böhmerle. Técnico e Mestre em Marcenaria, Böhmerle já atuou na fabricação de móveis, gestão de produção e de projetos em diversas empresas. É consultor responsável pela transferência tecnológica - Alemanha/Brasil. Já a palestra ‘Bolsa de Negócios de Resíduos de Produtos Madeireiros’ será às 19h45, com o engenheiro florestal Marcelo Lubas. O palestrante é especializado em Gestão Industrial, membro do corpo científico da Fupef (Fundação de Pesquisas Florestais do Paraná) e atua como consultor de indústrias moveleiras e madeireiras em diversos Estados do país.



O presidente da Câmara de Comércio Brasil-Japão, Roberto Takashi Hozokawa, e do diretor do Instituto Hyogu, Gervásio Iwamoto farão participação especial na palestra sobre a bolsa de resíduos. Também durante a apresentação, duas empresas de Sinop (a GTO Madeiras e Madeiranit) apresentarão seus casos de sucesso sobre a APL – Arranjo Produtivo Local e a suas respectivas atuações na questão dos resíduos sólidos.



A importância e o benefício que o reflorestamento traz para o setor serão discutidos na palestra ‘Os Benefícios do Reflorestamento de Teca’, no dia 25 (sexta-feira), às 19h, pelo palestrante Luis Flávio Veit, proprietário da empresa Cáceres Florestal, que possui a maior plantação de Teca em Mato Grosso. No mesmo dia, às 19h45, os empresários terão informações sobre como funciona a logística da exportação dos produtos madeireiros via Porto de Paranaguá, no Paraná, com a palestra ‘Logística e Documentação Aduaneira Via Porto de Paranaguá’, apresentada pelo professor de Legislação Aduaneira, Marcelo José Dias. O palestrante é especialista em Comércio Exterior, delegado do Conselho Regional de Administração do Paraná e diretor da empresa Sonar Comércio Exterior, além de despachante aduaneiro.



Para tratar sobre a nova legislação que rege as florestas públicas, o palestrante Vinícius Ribeiro Mota irá apresentar o tema ‘Política e Legislação sobre Florestas Públicas’ no dia 26 (sábado), às 19h. Mota é advogado e consultor de Direito Ambiental, especializado em Gestão Ambiental e Direito Ambiental. Logo depois, será a vez da palestra ‘Brasil e a Geopolítica Verde’, proferida por Lorenzo Carrasco, às 19h45. Carrasco é autor de livros sobre o setor de base florestal, como o ""Máfia Verde - O Ambientalismo a Serviço do Governo Mundial e ""Máfia Verde 2 - Ambientalismo: Novo Colonialismo, além de mais de 200 artigos e estudos sobre diversos assuntos, como crise estratégica, econômica e financeira mundial; industrialização do Brasil e o sistema americano de economia política, e bastidores do movimento ambientalista.



As palestras serão gratuitas e destinadas a empresários e gerentes das indústrias de transformação de madeiras, técnicos na área de reflorestamento, empresas exportadoras e importadoras, engenheiros florestais e agrônomos, universitários, administradores, agentes de comércio exterior e despachantes aduaneiros. Outras informações podem ser obtidas pelo site www.fiemt.com.br/fiemt_php/promadeira, ou pelos telefones: (66) 3531-5900// (65) 3611-1543/1643.

A Feira PROMADEIRA 2006 é uma realização da Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso – Fiemt e Sindicato das Indústrias Madeireiras do Norte do Estado de Mato Grosso - Sindusmad. Conta com parceiros importantes, como o Sebrae – MT, Confederação Nacional da Indústria – CNI, Governo do Estado de Mato Grosso - por meio da Secretaria de Indústria, Comércio, Minas e Energia -, Fapemat, Caixa Econômica, Banco do Brasil e Banco da Amazônia.

Informações Gerais

  • 24/08/2006 à 27/08/2006
  • MT - Sinop
    Instalações do SENAI/SESI e Sindusmad
  • Website do Evento
  • Gratuíto

Localização do Evento