1º Encontro do Polo Sul-americano da Noz-pecã debate produção da fruta
CI
Imagem: Pixabay
EVENTO

1º Encontro do Polo Sul-americano da Noz-pecã debate produção da fruta

Produção de noz-pecã no Brasil, Argentina e Uruguai será o foco do evento
Por:

Argentina, Brasil e Uruguai já são importantes produtores de noz-pecã, tendo grande potencial produtivo. Visando apresentar e integrar as pesquisas nesse novo polo, acontece no dia 27 de outubro, o primeiro encontro das entidades de pesquisa do setor, onde serão abordados aspectos da atual situação da noz-pecã em cada país.

Organizado pela Associação Brasileira de Nozes, Castanhas e Frutos Secos (ABNC), o evento vai contar ainda com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) – Brasil; Instituto Nacional de Pesquisa Agropecuária (INIA) – Uruguai; Instituto Nacional de Tecnologia Agropecuária (INTA) – Argentina e o Programa Cooperativo para o Desenvolvimento Agroalimentar e Agroindustrial Tecnológico do CONO Sul (PROCISUR) e Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura.

Dentre os temas que serão abordados pelas entidades, estão a produção de noz-pecã na Argentina, Brasil e Uruguai; cenário atual; principais desafios; perspectivas passadas, atividades presentes e direções futuras da pesquisa e produção de noz-pecã na Argentina, Brasil e Uruguai; Desenvolvimento da fruticultura na Argentina, Brasil e Uruguai e a importância da noz-pecã.

“O evento busca debater quais os desafios, onde podemos e queremos chegar e, especialmente, como atingir esses objetivos de crescimento trabalhando, pesquisando e gerando tecnologia como um bloco produtivo”, destaca o presidente da ABNC, José Eduardo Mendes Camargo.

O 1º Encontro do Polo Sul-americano da Noz-pecã conta com o apoio da Divinut - uma das maiores processadoras de nozes da América do Sul - e terá a transmissão aberta ao público através do canal no YouTube – ABNCNuts no dia 27 de outubro a partir das 10h.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink