Abrapa pede cautela em relação ao Pepro

Agronegócio

Abrapa pede cautela em relação ao Pepro

Os produtores não devem programar seu plantio antes que a verba destinada ao Pepro seja divulgada
Por:
74 acessos

O presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa), João Carlos Jacobsen, aconselha aos produtores a não contarem com o Prêmio equalizador Pago ao Produtor (Pepro) para antes do plantio da próxima safra, conforme anunciado pelo governo federal no lançamento do Plano de Safra 2007/08 na semana passada. Ela afirma que ninguém deve programar seu plantio antes que a verba destinada ao Pepro seja divulgada no Diário Oficial da União e computada no orçamento do governo.

Jacobsen fez o alerta aos participantes do Dia do Algodão 2007, realizado esta semana em Cristalina, entorno de Brasília. Na ocasião foi passado ainda um abaixo assinado entre os produtores do Estado favoráveis à liberação de variedades geneticamente modificadas para ser apresentado no mês de agosto agosto, durante o 6º Congresso Brasileiro do Algodão em Uberlândia (MG).


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink