Academia Bayer de Inovação promove debate sobre o futuro da agricultura

INOVAÇÃO

Academia Bayer de Inovação promove debate sobre o futuro da agricultura

O evento reuniu, em Uberlândia (MG), 110 pesquisadores de todo o Brasil para debater as perspectivas do agronegócio para os próximos anos
Por:
150 acessos

O futuro da agricultura só pode evoluir por meio da conexão e do conhecimento. Esse foi o tema do Fórum Academia Bayer de Inovação 2019 que reuniu, esta semana, no Learning Center, em Uberlândia (MG), 110 pesquisadores de todo o Brasil para debater as perspectivas para as áreas de proteção de cultivos, sementes, biotecnologia e agricultura digital para os próximos anos.

O evento, que está em sua terceira edição, foi idealizado para criar um ambiente colaborativo focado na troca de informações e experiências entre os especialistas da Bayer e pesquisadores sobre os desafios agrícolas. Este ano, o Fórum recebeu mais de 52 entidades, como: Embrapa, Fundação MT, Fundação ABC, Instituto Biológico e diversas universidades.

"Em uma realidade cada vez mais digital, onde os dados estão transformando todo o sistema de produção de alimentos, dentro e fora da porteira, nós temos certeza de que esta conexão - entre grandes players do setor - é a melhor forma de desenvolver soluções para os cenários que a agricultura enfrenta hoje e enfrentará amanhã", comenta Gerhard Bohne como presidente da divisão agrícola.

Palestras

Além de reunir grandes instituições, o Fórum ABI convidou alguns executivos importantes para o debate. Um deles foi o Celso Luiz Moretti, presidente da Embrapa, que comentou as cinco décadas de desenvolvimento da agropecuária e as tendências do investimento em pesquisa e desenvolvimento no País voltado para as demandas comportamentais do consumidor hoje.

Outro destaque foi para o Geraldo Berger, head de Regulatory Science Latam da Bayer. Segundo o executivo, é preciso unir, cada vez mais, o agrônomo, o técnico e os pesquisadores às tecnologias digitais para ampliar a habilidade do setor em criar soluções, testar, analisar e facilitar as tomar decisões nas lavouras.

"Sabemos que o Brasil é um País onde pragas, fungos e plantas daninhas se multiplicam durante todo o ano, em condições de solo e clima extremamente diferentes entre si. A junção do conhecimento sobre a agricultura nacional e o digital, sem dúvida, é o melhor caminho para a resolução dos desafios do nosso setor", completa Berger.

O evento contou, ainda, com a participação do Christian Lohbauer, presidente da CropLife Brasil; Dirceu Ferreira Júnior, Diretor do Centro de Expertise em Agricultura Tropical da Bayer; Mark Wood, head Global de Soluções Agronômicas da equipe de Field Solutions da Bayer; Michael Kovach, head do time de Melhoramento de Variedades para a região LATAM da Bayer e o Prof. Dr. José Luiz Tejon Megido.

A Academia Bayer de Inovação

Em 2011, a Bayer criou a Academia Bayer de Inovação, uma plataforma de interação entre pesquisadores renomados de instituições reconhecidas, com o propósito de buscar soluções para as necessidades da agricultura brasileira.

Os trabalhos da academia são divididos em cinco temas: entomologia, herbologia, fitopatologia, nematologia e tecnologia de aplicação. A cada dois anos, os pesquisadores de todas as especialidades se encontram no Fórum Academia Bayer de Inovação, onde são realizadas plenárias e debates com temas atuais da agricultura brasileira juntando todas as especialidades.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink