Acordo garante subvenção ao seguro rural do trigo no PR

Agronegócio

Acordo garante subvenção ao seguro rural do trigo no PR

Ação deverá beneficiar cerca de 1.000 agricultores
Por:
2772 acessos
O secretário da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara, assinou nesta segunda-feira (04), em Curitiba, acordo de cooperação com o governo federal para troca de informações sobre operações de subvenção econômica ao prêmio do seguro rural para o trigo. O acordo garante a execução do programa, que une os governos estadual e federal para amparar os produtores de trigo em caso de perdas decorrentes do clima.


A troca de informações entre a Secretaria da Agricultura e do Abastecimento e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento é necessária para garantir as operações, já que os recursos para o valor do prêmio do seguro vêm de três fontes. O governo federal cobre 70%, enquanto o governo do Paraná – Estado pioneiro em lançar o seguro agrícola para o trigo – garante mais 15% de subvenção. Ao produtor cabe o desembolso dos 15% restantes.

Também assinaram o acordo de cooperação o secretário nacional de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, José Carlos Vaz, o presidente da Federação da Agricultura do Paraná (Faep), Ágide Meneguette, e o superintendente do Banco do Brasil no Paraná, Paulo Roberto Meiners.


BENEFICIÁRIOS – Para esta safra de 2011, o governo do Paraná está ofertando R$ 2,8 milhões para operacionalização do programa, que deverá beneficiar cerca de 1.000 agricultores com recursos de até R$ 4.800,00 por beneficiário. Essa ação beneficia a todos os produtores que aderirem ao seguro rural privado, independente da categoria do produtor.

A lei estadual de seguro rural foi instituída inicialmente para amparar os produtores de trigo que investem no plantio da lavoura e ficam vulneráveis aos riscos do clima. Frequentemente as lavouras de trigo no Sul do País sofrem com geadas severas durante o desenvolvimento vegetativo ou excesso de chuvas na colheita, que prejudicam a qualidade do grão.


O programa de Subvenção ao Prêmio de Seguro Rural foi criado para reduzir custos de produção e aumentar a renda do produtor, de forma que ele tenha condições de aplicar mais tecnologia na lavoura e possa elevar a qualidade do trigo produzido no Paraná. Além disso, visa incorporar o seguro rural como instrumento de estabilidade agropecuária, afirmou o secretário Norberto Ortigara.

O Paraná é o maior produtor de trigo do País e este ano deverá colher 2,8 milhões de toneladas, que corresponde a 51,5% da produção nacional prevista para 2011.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink