Acsurs reelege Gilberto Silva para o biênio 2003/2005


Agronegócio

Acsurs reelege Gilberto Silva para o biênio 2003/2005

Por: -Admin
3 acessos

Em eleição realizada nesta sexta-feira, durante a

Assembléia Geral da Associação dos Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul (ACSURS), Gilberto Moacir da Silva foi reeleito presidente por mais dois anos. Ele permanece à frente da entidade até 2005. Também foram apresentadas contas e relatórios da gestão 2001/2002. O encontro contou com a presença do secretário estadual da Agricultura, Odacir Klein, do delegado federal de Agricultura no RS, Francisco Natal Signor e de diversos outros representantes de entidades ligadas ao setor.

Após eleito, Gilberto Silva fez um agradecimento aos núcleos de criadores das diversas regiões produtoras e deu prosseguimento à reunião, onde foram discutidas questões políticas e econômicas que têm preocupado os suinocultores, como a questão da reforma tributária. Os produtores esperam ter vantagens com estas alterações, sendo beneficiados com a redução dos imposto incidentes sobre o setor. Um dos pontos mais importantes da reunião foi o trânsito de animais de Santa Catarina para o Rio Grande do Sul, já que os suinocultores gaúchos estão preocupados com a falta de controle nas fronteiras, devido aos casos de Aujeszky registrados no Estado vizinho, e solicitaram ao secretário de Agricultura, Odacir Klein, o fechamento imediato das fronteiras e um controle fiscal rigoroso.

Além de Gilberto Silva, fazem parte da nova diretoria da ACURS, Elyseu Carvalho (Caxias do Sul) - 1o vice-presidente, Werner Meincke (Estrela) - vice, Martin Riordan (Santa Rosa) - vice, Odalir Zanatta (Vila Maria) - vice, Sadi Accadrolli(Rodeio Bonito) - vice. As informações são da Assessoria de Imprensa da ACSURS. Confira abaixo as principais metas da ACSURS para 2003.

Principais bandeiras para o exercício de 2003:

- insistir na importância da instalação da CPI da Suinocultura pela Assembléia Legislativa.

- buscar alternativas para aumentar a disponibilidade de insumos básicos especialmente o milho - para que o suinocultor tenha atendidas suas demandas com preços que viabilizem uma produção rentável.

- Continuidade da promoção da carne suína através do Plano de Marketing implementado pelo Fundo Nacional de Marketing.

- Trabalhar junto às autoridades governamentais estaduais e federais para manter e ampliar os programas de sanidade animal, o que inclui um sistema de vigilância sanitária eficiente no estado, que dê tranquilidade aos produtores e segurança aos consumidores, sejam eles dos mercados interno e/ou externo.

- Dar continuidade ao trabalho de melhoramento genético realizado junto às empresas e granjas de reprodutores, ampliando os índices de produtividade, e disponibilizando para o mercado uma carne suína de qualidade sempre melhor.

- Lutar para solucionar dois pontos importantes em relação às questões ambientais: adequação das normas técnicas às realidades regionais das propriedades, e adequação dos valores das taxas à realidade econômica dos suinocultores.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink