Açúcar/CEPEA: Preços não reagem mesmo com final de ano
CI
Agronegócio

Açúcar/CEPEA: Preços não reagem mesmo com final de ano

As usinas que continuam ativas no processo de moagem da cana-de-açúcar pretendem finalizar as atividades nesta semana
Por:

A um mês do final do ano, período em que a liquidez no mercado de açúcar tipicamente aumenta, o ritmo de negócios no segmento spot segue baixo, conforme indicam pesquisadores do Cepea. O mercado paulista tem sido caracterizado por negociações pontuais para pronta-entrega a preços praticamente estáveis. Na terça-feira, 29, o Indicador de Açúcar Cristal CEPEA/ESALQ (mercado paulista) fechou a R$ 64,22/saca de 50 kg, ligeira alta de 0,44% entre 22 a 29 de novembro. No acumulado do mês, a elevação é de 1,3%. As usinas que continuam ativas no processo de moagem da cana-de-açúcar pretendem finalizar as atividades nesta semana. Outras, que já haviam encerrado a moagem no início do mês, continuam se capitalizando com a entrega de contratos e, por essa razão, não têm grande necessidade de novas vendas no mercado spot. Do lado comprador, a demanda para o açúcar cristal continua pequena. Tanto indústrias quanto empacotadoras demonstraram pouco interesse em novas compras, uma vez que continuam estocadas. Outros compradores que normalmente não programam seu abastecimento através de contratos pré-negociados também têm adquirido pequenos volumes de açúcar.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.