Adapec em parceria com Embrapa promove capacitação sobre pesca e aquicultura

Agronegócio

Adapec em parceria com Embrapa promove capacitação sobre pesca e aquicultura

O Tocantins ocupa o 14º lugar no ranking nacional de produção de peixes e tem grande potencial produtivo devido às excelentes condições naturais.
Por:
477 acessos

O Tocantins ocupa o 14º lugar no ranking nacional de produção de peixes e tem grande potencial produtivo devido às excelentes condições naturais. Visando fortalecer o setor e alavancar a produção, a Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) promove a III Capacitação em Tecnologia e Processamento de Pescado, ministrada pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).  O curso teve início na manhã desta segunda-feira, 13, no auditório do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), em Palmas, e segue até a próxima sexta-feira.

O evento direcionado aos inspetores agropecuários da Agência conta também com a participação dos servidores do Senar e da Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa). Na ocasião, o presidente da Adapec, Humberto Camelo, falou do constante crescimento da piscicultura tocantinense e a necessidade de aprimorar as informações para atender a demanda. “Esta aproximação com a Embrapa gera mais conhecimento e enriquece nossa parceria, já que o centro nacional de pesca e aquicultura está sediado no Estado”, destacou.

O chefe adjunto de transferência de tecnologia da Embrapa Pesca e Aquicultura, Alexandre Aires de Freitas, disse que o curso é um espaço para dialogar e fornecer conhecimento sobre o processamento de pescado, aproximando à pesquisa. “O Estado tem um grande potencial pela qualidade da água e espécies nativas. Queremos oportunizar as atividades da pesca e aquicultura, pois já temos vários projetos em campo e uma estrutura pronta para desenvolver tecnologia”, ressaltou.

O Tocantins conta com quatro frigoríficos de peixes registrados no Serviço de Inspeção Federal (SIF) e mais um em andamento. Em 2014, foram produzidas 15 mil toneladas de peixes. “Mesmo não tendo entrepostos registrados no Serviço de Inspeção Estadual (SIE) precisamos estar preparados para atender o constante crescimento do setor, pois executamos ações voltadas para o controle de trânsito e combate ao comércio clandestino de peixes”, afirmou a gerente de Inspeção Animal da Adapec, Joseanne Cademartori. 

A capacitação é oriunda de recurso federal, por meio de convênio do Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária – SUASA, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Programação
Durante os cinco dias de curso serão abordados temas como: Anatomia e espécies de peixe de aproveitamento comercial do Tocantins; Abate e Bem-estar em peixes; Controle físico-químico e rotulagem; Controle de qualidade para o pescado; Legislação voltada à indústria pesqueira, entre outros. Na sexta-feira, 17, os profissionais farão uma visita a um frigorífico de Palmas registrado no Serviço de Inspeção Municipal (SIM), que em breve estará em funcionamento.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink