Adaptações das culturas são transmitidas por 5 gerações
CI
Imagem: Pixabay
GENÉTICA

Adaptações das culturas são transmitidas por 5 gerações

"Embora tenhamos feito isso com tomate, pode ser feito com qualquer planta"
Por: -Leonardo Gottems

Plantas recém-enxertadas, constituídas por porta-enxertos epigeneticamente modificados para "acreditar" que estiveram sob estresse, presas a um caule não modificado (ou caule acima do solo), dão origem a uma progênie que é mais vigorosa, produtiva e resistente do que plantas parentais. 

Essa é a descoberta surpreendente de uma equipe de pesquisadores que realizou testes de campo em grande escala com tomateiros em três locais amplamente separados ao longo de várias gerações de plantas. Eles afirmam que a descoberta, que resultou de uma colaboração entre a Penn State, a Universidade da Flórida e uma pequena startup em Nebraska, tem implicações importantes para o melhoramento da safra. 

Como a técnica envolve epigenética (manipulação da expressão de genes existentes e não introdução de novo material genético de outra planta), as safras obtidas com essa tecnologia poderiam evitar a polêmica associada a organismos e alimentos geneticamente modificados.  Essa é a esperança da líder da equipe de pesquisa Sally Mackenzie, professora de ciência de plantas na Faculdade de Ciências Agrárias e professora de biologia na Faculdade de Ciências Eberly da Penn State. 

"Embora tenhamos feito isso com tomate, pode ser feito com qualquer planta", disse ele. “Acreditamos que este estudo representa um grande avanço por mostrar o potencial de aprimoramento pela epigenética das lavouras. E mais tarde, terá implicações importantes para as árvores e as florestas diante das mudanças climáticas”, completou. 

Com base em pesquisas anteriores do grupo de pesquisa de Mackenzie na Penn State, o padrão veio de tomates em que os pesquisadores manipularam a expressão de um gene chamado MSH1 para induzir "memória de estresse". 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink