Adesão ao novo Sisbov é voluntária

Agronegócio

Adesão ao novo Sisbov é voluntária

A obrigatoriedade é para a comercialização aos mercados que exijam a rastreabilidade
Por: -Talita Ormond
3 acessos

A adesão ao novo Sisbov é voluntária, permanecendo sua obrigatoriedade para a comercialização aos mercados que exijam a rastreabilidade. Nesse sentido, quesitos como cadastro do produtor e da propriedade, protocolo básico de produção, termo de adesão ao sistema, registro dos insumos utilizados na propriedade, identificação individual de 100% dos bovinos e bubalinos, controle de movimentação de animais, supervisão de uma única certificadora credenciada pelo Ministério da Agricultura e vistorias periódicas pela certificadora devem ser seguidos.

O ex-presidente do Sindicato Rural de Rondonópolis (MT) e pecuarista, Olavo Aguiar, acredita que ações como a nova normativa fecham o cerco junto aos produtores “inadimplentes”, que insistem em registrar um número irreal de bovinos e bubalinos correspondentes às suas propriedades. “Será um controle mais rigoroso, completo e transparente”, disse. Ele acredita que as exigências feitas pelo mercado externo são uma tentativa de boicotar o crescimento do mercado brasileiro junto aos compradores do mundo. “Mas eu sou otimista quanto ao novo sistema. Só temos que esperar e ver como ele vai funcionar na prática”, disse.

Como não é obrigatório, o criador pode optar por não aderir ao sistema. Mesmo assim há um risco, em curto prazo, de que esses produtores não tenham mercado para abastecer, uma vez que a maioria dos grandes frigoríficos, nacionais e internacionais, exigem o selo de qualidade do Sisbov. “Ninguém vai querer ser descredenciado”. Além disso, o preço de mercado para as propriedades não certificadas é menor, vendidos em média R$ 3 mais baratos por arroba daqueles com o selo do Sisbov. “O ganho já está pouco e ninguém vai querer ganhar menos ainda”, analisou.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink