Agricultores dos EUA temem que soja não cubra custos de produção

Agronegócio

Agricultores dos EUA temem que soja não cubra custos de produção

Expedição da Cocamar visita Corn Belt"
Por: -Leonardo Gottems
3622 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

Os produtores rurais norte-americanos estão temerosos que os preços da soja no mercado não sejam suficientes para cobrir os custos de produção. Foi o relato que recebeu um grupo formado por técnicos e produtores associados à Cocamar Cooperativa Agroindustrial, que visita propriedades e cooperativas localizadas no "Corn Belt", o “Cinturão do Milho” dos Estados Unidos.


Com a tendência de queda das cotações internacionais, o bushel pode chegar na faixa entre 9 e 10 dólares. Duas propriedades visitadas pelos brasileiros, a Jones Family Farm (Illinois) e a do produtor John Maxwell (Iowa), preveem 66 sacas de soja por hectare e 200 sacas de milho por hectare.


Segundo o coordenador técnico de culturas anuais da cooperativa, o engenheiro agrônomo Emerson Nunes, em todas as lavouras o que se vê é "desenvolvimento normal e expectativa de alta produtividade". Na opinião de especialistas, se o dólar se mantiver na safra 2014/15 numa cotação próxima a atual, a saca da soja poderá ser cotada ao redor de R$ 45 no norte do Paraná, contra os atuais R$ 56,50 (preço de hoje na Cocamar).


Os brasileiros finalizam detalhes para o plantio da safra de verão, cujos trabalhos começam na segunda quinzena de setembro na região da Cocamar. A cooperativa atua com 56 unidades operacionais no noroeste e norte do Paraná, oeste paulista e sudoeste do Mato Grosso do Sul. Possui cerca de 12 mil associados e, na safra 2013/14, recebeu 970 mil toneladas de soja. A colheita de milho de inverno, ora sendo finalizada, deve resultar em 850 mil toneladas.


Foto: Rogerio Recco
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink