Lei Kandir

Agricultores são contra revogação da Lei Kandir para aumentar receita de governos

Medida retomaria a cobrança do ICMS dos produtos exportados
Por: - Clodoaldo Silva
375 acessos

A Confederação Nacional da Agricultura (CNA) é totalmente contra a revogação da Lei Kandir para aumentar a receita dos governos estaduais com a retomada da cobrança do ICMS dos produtos exportados. 

De acordo com a nota oficial divulgada durante coletiva hoje, em Brasília, a CNA afirma que “a Lei Kandir promoveu na economia brasileira um ambiente mais estável e favorável”, ressaltando que antes da lei  “o saldo deficitário das exportações promovia desestabilização e ataques especulativos à nossa moeda”.

Para a entidade, “esperamos que tal iniciativa não prospere. O momento em que reformas estruturantes aprovou a PEC 37/2007 vai na contramão daquilo que o país precisa para se tornar mais competitivo. O agronegócio, que responde por quase 50% das exportações do país, não tem como absorver mais esse custo”.

O presidente da entidade, João Martins da Silva Junior, foi enfático: “Se isso ocorrer vai prejudicar enormemente nossa capacidade de exportar”.

A Comissão de Constituição, Cidadania e Justiça (CCJ) aprovou, na semana passada, a PEC 37/2007, que agora segue para plenário. A proposta revoga a Lei Kandir.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink