Agricultura de precisão maximiza lucros e minimiza danos ao ambiente
CI
Agronegócio

Agricultura de precisão maximiza lucros e minimiza danos ao ambiente

Num primeiro momentos, as máquinas agrícolas e aparelhos de GPS foram direcionados para o assunto, mas essa idéia vem sendo modificada
Por: -Joana
Em 1929, começaram nos EUA os primeiros estudos sobre agricultura de precisão. Na década de 80, a discussão percorreu diferentes países como Inglaterra, Alemanha, Argentina e Austrália, e na década de 90, começaram os primeiros estudos no Brasil.

Num primeiro momentos, as máquinas agrícolas e aparelhos de GPS foram direcionados para o assunto, mas essa idéia vem sendo modificada. Segundo Ricardo Inamasu, da Embrapa Instrumentação, há 20 anos atrás, com o uso do GPS era possível identificar que em uma mesma propriedade a produtividade poderia variar de 2 toneladas por há até 15 t/há. E essa gestão da variabilidade é a agricultura de precisão. “Esse conceito de agricultura de precisão, que é diferente da automação e das máquinas, é na realidade um amadurecimento para a integração de toda equipe. O conceito que nós estamos trabalhando hoje é uma postura gerencial que leva o encontro a variabilidade espacial para maximizar o retorno econômico e minimizar os danos ao meio ambiente”, explica.


Para saber mais sobre a história e os conceitos de agricultura de precisão, assista ao vídeo da Embrapa Informática Agropecuária na sessão de vídeos do Portal Agrolink.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.