Agrobrasília 2011 bate recorde de negócios e ganha força política

Agronegócio

Agrobrasília 2011 bate recorde de negócios e ganha força política

Feira movimenta R$ 212 milhões e promove debates sobre futuro do agronegócio no país
Por: -Janice
373 acessos
Feira movimenta R$ 212 milhões e promove debates sobre futuro do agronegócio no país

Sucesso absoluto. A Agrobrasília 2011 superou mais uma vez as expectativas dos organizadores. O interesse pelas novidades tecnológicas, debates e produtos expostos atraiu 58 mil pessoas entre 17 e 21 de maio. As excelentes linhas de crédito oferecidas pelas instituições financeiras levaram os agricultores a aproveitar as novidades na área de máquinas, equipamentos, insumos, sementes e veículos apresentadas pelos 310 expositores. A Feira movimentou R$ 212 milhões em negócios, ultrapassando a estimativa de R$ 150 milhões da Cooperativa Agropecuária da Região do Distrito Federal (COOPA-DF), realizadora do evento junto ao Governo do DF, por meio da EMATER-DF e da Secretaria de Agricultura.


O Espaço de Valorização da Agricultura Familiar se afirma cada vez mais como destaque da Agrobrasília. Diferenciado e bastante instrutivo, recebeu milhares de pequenos agricultores de diversos estados, que puderam conferir palestras e cursos técnicos, além de comprar máquinas e implementos pelo Programa Mais Alimentos, do Ministério do Desenvolvimento Agrário. A área de 40 mil m² foi dividida em nove circuitos temáticos, com instruções específicas da EMATER-DF e demonstrações de práticas que visam a melhorar a atividade rural familiar.

Os números demonstram o sucesso da Feira, fruto de um trabalho árduo, como destaca Ronaldo Triacca, coordenador-geral da Agrobrasília. “Na avaliação geral o evento foi bem sucedido e já estamos trabalhando para que a edição de 2012 seja ainda melhor. Destacamos, além dos bons negócios, a força política que a Agrobrasília ganhou, com a presença maciça de autoridades. Queremos atrair ainda mais a presença dos parlamentares da Câmara Legislativa do DF, da Câmara Federal e Senado, para que possam despachar daqui, realizar sessões solenes, audiências públicas, debates como os realizados este ano, o que fortalece muito o evento”, salientou.


O reconhecimento do trabalho dos organizadores para realizar um evento de qualidade é o que motiva ainda mais o presidente da COOPA-DF, Leomar Cenci. Para ele, o sucesso desta edição aumenta a responsabilidade para o próximo ano, pois credencia a Agrobrasília a ser um dos maiores centros de agronegócios e exposição tecnológica do Brasil e do Mundo. “Essa é uma opinião não só nossa, mas de quem participou e fez o evento. Ouvimos isso do público, dos expositores, das autoridades presentes. A tendência é crescer, é melhorar sempre. E com isso a nossa responsabilidade aumenta. Precisamos incrementar a organização, pois é um desejo e uma necessidade de todos. Temos que inovar e investir ainda mais”, avaliou.

O secretário de Agricultura, Lúcio Valadão destacou que as tecnologias apresentadas na Feira dimensionam a importância econômica da agricultura do Distrito Federal, e que esta tem cumprido a função de abastecer com alimentos a população, proporcionando qualidade de vida, sem deixar de lado a conservação ambiental. “É um evento que aproxima as pessoas das tecnologias agropecuárias e busca fortalecer parcerias, criar oportunidades de negócios, promover o conhecimento, valorizar a agricultura familiar e divulgar inovações que estão tornando a vida no campo mais sustentável, é uma infinidade de benefícios que tem tornado a convivência entre agricultura familiar e empresarial uma realidade”, simplifica o secretário. A presença de comitivas internacionais foi destaque mais uma vez. Embaixadores, ministros, técnicos e demais autoridades de vários países prestigiaram o evento. A proximidade da capital federal e a consequente facilidade de acesso das embaixadas e de organizações internacionais credenciam a AGROBRASÍLIA a ser, já nos próximos anos, palco de negociações com esses países.


A Agrobrasília também foi o local escolhido pelo Governo do Distrito Federal para fazer a entrega dos primeiros títulos de concessão de uso real das terras rurais. O sonho de mais de 30 anos dos agricultores da região começou a ser realizado durante o evento. Inicialmente, 45 proprietários receberam o tão esperado documento.

Ministros, secretários de estado e parlamentares de todo o Brasil também visitaram a AGROBRASÍLIA 2011. Muitos deles participaram dos vários eventos realizados para discutir o futuro da agricultura no país, como o debate sobre os entraves do agronegócio brasileiro, o fórum de jornalistas ligados ao setor, a audiência pública do Senado sobre as inovações tecnológicas do campo e a palestra do relator do novo Código Florestal, deputado federal Aldo Rebelo (PCdoB/SP).


Para 2012, os organizadores pretendem atrair ainda mais o interesse internacional, bem como o aumentar o espaço destinado à pecuária e, provavelmente, a área de empresas de máquinas pesadas usadas em obras e construções.

As informações são da assessoria de imprensa da Agrobrasília.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink