AGROBRASÍLIA garante muitas novidades para 2011

Agronegócio

AGROBRASÍLIA garante muitas novidades para 2011

A quarta edição será realizada no período de 17 a 21 de maio
Por: -Marianna
880 acessos
A quarta edição será realizada no período de 17 a 21 de maio, no Parque Ivaldo Cenci, que se encontra no Programa de Assentamento Dirigido do Distrito Federal (PAD-DF). Localizada a 60 km da capital, a Feira abrangerá uma área de 500 mil m² divididos por circuitos tecnológicos para atender melhor o público. O grande diferencial da AGROBRASÍLIA são as inúmeras tecnologias demonstradas no Parque, possibilitando ao produtor atingir maiores produtividades gerando mais renda.

A grande expectativa, para este ano, está em torno da quantidade de expositores que estarão presentes na AGROBRASÍLIA, que deve passar de 300, superando as edições anteriores. Quanto ao público, são esperados cerca de 70 mil visitantes, 20 mil a mais que no ano passado. As novidades para este ano são a consolidação do espaço da pecuária que agradou centenas de produtores na edição de 2010, a ampliação do Espaço de Valorização da Agricultura Familiar e do Circuito Tecnológico Mais Alimentos, a criação do Espaço Mais Alimentos África, a implantação de uma área permanente de Café Irrigado e outra de Integração Lavoura Pecuária e Floresta – ILPF.

Para garantir mais conforto ao visitante, a Feira recebeu uma nova configuração. A planta está mais simétrica coma mais duas entradas para facilitar o acesso de visitantes e expositores.

Centenas de empresas já confirmaram presença na AGROBRASÍLIA, entre fabricantes de implementos agrícolas, insumos, montadoras de caminhões e utilitários, prestadores de serviços, bancos, entidades de classe, instituições governamentais, mídia e outros. A AGROBRASÍLIA é uma ótima oportunidade para a realização de negócios. A tendência de bons preços dos produtos agrícolas e a oferta de linhas de financiamento a juros bastante razoáveis sinalizam operações para além da marca dos R$ 150 milhões.

Durante o evento serão promovidas demonstrações de máquinas e equipamentos e implementos agrícolas, além de exposições de animais.

Suinocultura

Este ano a AGROBRASÍLIA abre espaço para a suinocultura. Em área externa gramada, o espaço terá estandes e demonstração de tecnologias de biodigestor. A ala também contará com um auditório para palestras e cursos. A suinocultura no Distrito Federal tem tido um crescimento expressivo nos últimos anos. Com isso cresce o número de suinocultores à procura de tecnologias que aumentem a produção de forma sustentável. Para o presidente da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva de Aves e Suínos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Rubens Valentini, a inserção do segmento da suinocultura na AGROBRASÍLIA é importante para o processo de modernização da atividade.

“A criação desse espaço é de suma importância para o setor. A atividade no DF tem uma tecnologia bastante avançada, mas ainda são poucos produtores que utilizam. Na AGROBRASÍLIA será possível mostrar o que existe de mais moderno para o aumento da produção de suínos. Ao apresentarmos novas tecnologias, conseguimos estimular outros criadores”, ressalta.

Espaço Mais Alimentos

O estande do Programa Mais Alimentos contará com área superior a quatro mil metros quadrados. Este espaço será destinado a exposição de uma variada gama de máquinas equipamentos e implementos agrícolas, além de veículos de transporte de carga, os quais podem ser financiados pelo Programa.

A AGROBRASÍLIA é a vitrine do agronegócio do Brasil para o mundo, e o Mais Alimentos na AGROBRASÍLIA é a vitrine tecnológica para os países africanos. Em decorrência da proximidade com as embaixadas e a sede do governo federal, desde a primeira edição da Feira tem sido expressivo o número de comitivas estrangeiras a visitar a Feira.

Em sua quarta edição, a AGROBRASÍLIA cria o espaço Mais Alimentos África como forma de intensificar ainda mais essa relação entre o Brasil e os países africanos. Segundo o coordenador do Programa Mais Alimentos, Hercílio Matos, esse espaço é fruto de um diálogo que o governo brasileiro fez com os países de hemisfério sul especialmente com a África.

Circuito Tecnológico Mais Alimentos

Na área destinada as dinâmicas do Programa Mais Alimentos África, serão também desenvolvidas atividades demonstrativas de aplicação de máquinas, equipamentos e implementos agrícolas, já disponíveis no Programa Mais Alimentos. Com isto, os agricultores familiares que visitarem a AGROBRASÍLIA 2011 poderão conhecer a utilidade e a funcionalidade dos produtos financiados pelo Programa, em especial aqueles voltados para as cadeias produtivas do leite e de olerícolas, além dos aplicados a produção orgânica e serviços ambientais.

Evento dos jornalistas

Para mostrar a necessidade de divulgar mais o agronegócio, a AGROBRASÍLIA em parceria com o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) irá realizar um Fórum para Jornalistas, no primeiro dia da Feira, 17 de maio, para discutir como a mídia é um importante instrumento de divulgação do agronegócio.

Para Marco Ortega, coordenador da área de Agronegócios do IICA no Brasil, o Encontro de Jornalistas tem o objetivo abrir um espaço para a discussão sobre o papel da comunicação e o jornalismo na promoção do agronegócio e, por meio dele, o desenvolvimento rural sustentável.

A AGROBRASÍLIA 2011 é uma realização da Cooperativa Agropecuária da Região do DF (Coopa-DF) em conjunto com o Governo do Distrito Federal, por intermédio da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do DF (Emater-DF) e Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa-DF).

Sobre a região do PAD-DF
O Cerrado brasileiro tem papel fundamental para o crescimento da produção agropecuária brasileira e se consolida hoje como principal região produtora do país.

Em 1977, o governo do Distrito Federal criou o Programa de Assentamento Dirigido do Distrito Federal - PAD-DF, projeto este iniciado a 60 km da capital Brasília e com área aproximada de 50.000 hectares. O objetivo era estimular a produção de grãos na região.

Em 1978, os primeiros 22 agricultores a ocuparem o Assentamento, a maioria vinda do Sul do País, criaram a Cooperativa Agropecuária da Região de Distrito Federal – Coopa-DF.

A região do PAD-DF, desde a sua implantação, no final da década de 70, vem se destacando no uso de tecnologia agropecuária, com índices de produtividade acima da média nacional, servindo, então, de referência na ocupação do Cerrado brasileiro. Como as condições climáticas e edáficas são representativas da área do cerrado, os resultados alcançados nesta região podem ser extrapolados para as demais áreas.

Serviço:
Agrobrasília 2011 (Feira de Tecnologias e Negócios) – Entrada franca
Data: 17 a 21 de maio de 2010
Horário: das 9 h às 18 h
Local: Parque Ivaldo Cenci, PAD-DF. BR-251, Km 5, Brasília-DF, sentido Brasília -Unaí (MG).
Site: www.agrobrasilia.com.br

As informações são da assessoria de imprensa do evento.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink