Agroconsult confirma safra acima das expectativas
CI
Agronegócio

Agroconsult confirma safra acima das expectativas

A safra de soja está estimada em um recorde 56,7 milhões de toneladas pela consultoria
Por:

Reuters - A colheita brasileira de soja e milho deve superar as melhores expectativas, avaliou a Agroconsult, organizadora do "Rally da Safra", com base em dados preliminares coletados nas lavouras dos dois maiores Estados produtores do Brasil (Mato Grosso e Paraná).

O "Rally", que até o dia 23 deve percorrer 25 mil quilômetros de estradas do país coletando amostras em plantações próximas às rodovias, já contabiliza cerca de 15 mil quilômetros rodados por oito equipes, afirmou nesta quinta-feira (15-03) Guilherme Bastos, diretor da consultoria.

"As produtividades estão acima do esperado, confirmando rendimentos maiores que no ano passado", disse Bastos à Reuters em Pato Branco, no sul do Paraná, antes de um café da manhã com agricultores promovido pelo "Rally."

"As chuvas ocorreram no momento certo, alimentando as lavouras", acrescentou ele, que antes do Paraná avaliou plantações no Mato Grosso, ao longo da BR-163.

O roteiro paranaense da equipe de Bastos começou em Londrina, no norte do Estado, e constatou-se também um aumento da incidência do fungo da ferrugem asiática da soja no Paraná, principalmente nas lavouras de ciclo longo, o que tem levado produtores a aumentar as aplicações de fungicidas.

A safra brasileira de soja está estimada pela Agroconsult, numa avaliação antes da viagem de inspeção, em um recorde 56,7 milhões de toneladas, número que deve ser elevado ao final do roteiro.

Da mesma forma, a produção de milho será maior, tanto na primeira safra, prevista em 35,7 milhões de toneladas, como na segunda, em 12,6 milhões de toneladas. "É muito provável que tenhamos uma safrinha maior no Mato Grosso, alguns produtores disseram que aumentaram a área em 50 por cento em relação ao ano passado," disse Bastos, sem querer arriscar alguma nova previsão, que será anunciada oficialmente em 29 de março, na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&F).

Agricultores satisfeitos:

O diretor geral da New Holland no sudoeste do Paraná, Ireneu Moresco, afirmou que as previsões de safra maior e preços mais remuneradores do que na temporada anterior devem elevar suas vendas de tratores e máquinas este ano. "O que temos observado é que o agricultor está bastante animado, buscando renegociar, consultando preços", disse ele, que prevê aumento de vendas de tratores em sua área de 108, em 2006, para pelo 120 neste ano.

Segundo o cerealista e diretor da Guerra Sementes, Luiz Fernando Guerra, este ano a sua empresa já recebeu 30 por cento a mais de soja, na comparação com a mesma época do ano passado, o que confirma um aumento de safra na região de Pato Branco na mesma proporção. Além da boa produtividade, o aumento ocorre porque a área de milho caiu cerca de 20 por cento na região, campos esses tomados pela soja.

O agricultor Eucir Brocco, presente no evento da Agroconsult, disse que o problema mais grave nesta safra foi um veranico em dezembro, que quebrou a safra de milho de 15 a 20 por cento. "A soja teve uma boa produtividade, estou colhendo bem", complementou ele, lamentando apenas o aumento da incidência da ferrugem, principalmente para a soja de ciclo tardio.

Cerca de 30 por cento da área de soja de Pato Branco já foi colhida --a região colhe mais tarde no Estado. Alguns produtores relataram que chegaram a fazer até quatro aplicações de fungicidas nas lavouras de ciclo tardio. "Viemos de dois anos de seca, em que fizemos uma, duas aplicações no máximo, quem descuidou do tratamento deve ter problemas", afirmou Brocco.

Foi o caso do produtor Irineu Parcianello. "As lavouras do tarde estão todas com ferrugem, tem lavoura que vai ter quebra grande. Numa área, achei que não era tão rápido, descuidei um pouco e quando olhei vi que está quebrado de 10 a 20 por cento". A região planta de 20 a 40 por cento de soja precoce, menos atingida pela ferrugem.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink