Agronegócio

Agroindústrias familiares apresentam produtos durante a Suinofest de Encantado

Suinofest têm se apresentado como excelentes alternativas para que as agroindústrias familiares possam apresentar e comercializar os seus produtos.
Por:
573 acessos

Como já tem se tornado tradição na região, os grandes eventos municipais - caso da Suinofest, que segue de sexta-feira a domingo (10 a 12/06), em Encantado -, têm se apresentado como excelentes alternativas para que as agroindústrias familiares possam apresentar e comercializar os seus produtos. Assim, quem passa pelo Parque João Batista Marchese, em local situado próximo ao salão gastronômico, pode encontrar uma grande variedade de produtos, como geleias, compotas, sucos, embutidos, biscoitos, pães, farinha de milho, melado, açúcar mascavo e até mesmo cachaças artesanais.

Os cerca de 15 empreendimentos recebem apoio do Arranjo Produtivo Local (APL) ? Agroindústrias Familiares do Vale do Taquari e da Emater/RS-Ascar em todas as etapas de sua consolidação. O gerente adjunto da Emater/RS-Ascar, Carlos Lagemann, ressalta a participação em feiras como uma alternativa a mais para que as agroindústrias comercializem seus produtos diretamente ao consumidor final. "Também é uma forma de apresentar produtos com valor agregado, estabelecer contatos e fortalecer vínculos", analisa. "Isso sem esquecer a qualidade de vida e a sucessão familiar, muito presentes nesses casos", lembra.

Para o produtor Daniel Gavineski, responsável pela agroindústria Sabor da Fruta, de Vespasiano Corrêa, a participação em eventos garante visibilidade aos produtos. "E como os nossos doces de frutas e geleias são elaborados da forma mais artesanal possível, o consumidor acaba invariavelmente retornando a eles, por reconhecerem ali um sabor mais "colonial"", ressalta. Além de sabores tradicionais como morango, uva e figo, Gavineski também comercializa geleias e doces de morango com pimenta e abacaxi com gengibre. "As novidades também costumam agradar o público", analisa.

A propósito das novidades, o agricultor Flávio Franz, de Santa Clara do Sul, tem aproveitado o espaço na Suinofest para divulgar o novo salgadinho natural - no formato chips - de batata doce com aipim em pacote de 60 gramas. Animado, Franz afirma ter encontrado o formato e a espessura ideais para que o snack ficasse "crocante sem ser duro demais". Com cerca de 15 mil pés de batata-doce e 20 mil de aipim em sua propriedade, o empreendedor destina praticamente toda a produção para os salgadinhos, que são também vendidos em pacotes de 100 gramas, de cada sabor em separado. "Difícil alguém provar e não levar", comemora.

Além das agroindústrias, também está presente no local o grupo de artesãos Criarte, em feira organizada pelos clubes de mães e pela Emater/RS-Ascar. No local estão sendo comercializados trabalhos em patchwork, crochê e pintura em tecido, além de enfeites, tapetes, capas e toalhas de banho e de rosto. Para a presidente do grupo e integrante do Clube de Mães Farrapos, Anita Filter Somensi, a Suinofest pode ser uma alternativa para apresentação dos artesanatos a um público grande e diversificado, que atravessa as barreiras do município.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink