Algodão/Cepea: Valores perdem força no início de outubro

Agronegócio

Algodão/Cepea: Valores perdem força no início de outubro

Indústrias vêm demonstrando interesse de compra de algodão neste mês, mas a valores inferiores aos praticados em setembro.
Por:
256 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

Indústrias consultadas pelo Cepea vêm demonstrando interesse de compra de algodão neste mês, mas a valores inferiores aos praticados em setembro. Algumas indústrias alegam que os lotes disponíveis no mercado estão abaixo da qualidade esperada, o que limitou o número de fechamentos de negócios e também enfraqueceu os valores do produto no início de outubro.

Do lado vendedor, cotonicultores seguem recuados, atentos às entregas de contratos firmados anteriormente. Tradings, por sua vez, estão pouco ativas no mercado doméstico, mesmo diante das recentes quedas nos preços internacionais. Entre 4 e 11 de outubro, o Indicador CEPEA/ESALQ com pagamento em 8 dias, referente à pluma 41-4, posta em São Paulo, caiu ligeiro 0,34%, fechando a R$ 2,5093/lp na terça-feira, 11. Na parcial de outubro, o Indicador recua ligeiro 0,6%, depois de acumular alta de 2,77% em setembro/16. 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink