Agronegócio

Alunos desenvolvem projeto de produção de húmus em Tupanciretã

Alunos da Escola Estadual de Educação Básica Joaquim Nabuco, de Tupanciretã, na região Central, estão desenvolvendo projeto de construção de minhocário e horta escolar. 
Por:
714 acessos

Alunos da Escola Estadual de Educação Básica Joaquim Nabuco, de Tupanciretã, na região Central, estão desenvolvendo projeto de construção de minhocário e horta escolar para a produção de húmus. 

A iniciativa, que conta com apoio da Secretaria de Meio Ambiente e Emater/RS-Ascar, integra meta de preservar e desencadear ações sociais que promovam cidadania, qualidade de vida e desenvolvimento sustentável, além de contribuir com a redução de lixo.

"A intenção é conscientizar o aluno para a necessidade de pensar no problema do lixo, nas formas de coleta e destino, na reciclagem, no responsável pela produção e destino na escola, em casa e em espaços comuns", explica a extensionista social do Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar de Tupanciretã e coordenadora do projeto, Simone Mai.

A criação de minhocas em cativeiro é conhecida como minhocultura ou vermicompostagem e tem a finalidade de produzir adubo (húmus), que utilizado como adubo orgânico em plantas ornamentais, frutíferas nos pomares para a lavoura e agricultura em geral.

"No projeto serão usadas minhocas californianas que são as mais adequadas para um minhocário porque consomem resíduos mais rapidamente e que toleram que os materiais sejam postos in natura no local. Os alunos vão utilizar os dejetos oriundos da limpeza do pátio e dos resíduos orgânicos provenientes da cozinha da Escola", diz Simone.

O assistente técnico de solos do Escritório Regional da Emater/RS-Ascar de Santa Maria, engenheiro agrônomo Luiz Antonio Rocha Barcellos, conheceu o projeto na terça-feira (14/06), quando realizou palestra sobre o assunto no auditório da Escola Joaquim Nabuco.

"As minhocas beneficiam a estrutura dos solos, fazendo com que sejam mais porosos e arejados, sendo consideradas verdadeiras usinas de transformação de detritos orgânicos em húmus que, além de regenerar o solo, é um excelente adubo orgânico, afirmou Barcellos. Ecologicamente, é na transformação dos restos do lixo doméstico que as minhocas prestam excelentes serviço ao meio ambiente", afirmou o técnico.

Segundo Simone, o húmus será utilizado na horta escolar, aonde são cultivadas hortaliças, mudas de chás e flores. 
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink