Análise Agrolink: Gripe aviária pressiona soja nos EUA
CI
Agronegócio

Análise Agrolink: Gripe aviária pressiona soja nos EUA

Epidemia na China causa incerteza e adiciona risco
Por: -Leonardo Gottems

A Bolsa de Cereais de Chicago registrou sexta-feira (05.04) baixa de US$ 0,10 no preço da soja nos contratos comercializados para Maio deste ano. Autoridades chinesas continuam a atualizar o número de mortos pela nova cepa da gripe aviária (H7N9). 

Agências de notícias informam que as autoridades de Xangai já começaram a sacrificar animais apreendidos junto a contrabandistas. As investigações estão em andamento, mas a incerteza da situação e seu impacto global sobre os setores de suínos e aves continuam a adicionar risco para os mercados de oleaginosas. 

Os mercados da cidade de Dalian – um dos focos da epidemia – reabriram nesta segunda-feira (08.04), após um feriado local e final de semana. A perspectiva técnica negativa para as oleaginosas também adicionou pressão ao mercado.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.