Aos poucos surgem negócios a preços mais altos


Agronegócio

Aos poucos surgem negócios a preços mais altos

Os frigoríficos menores estão sentindo a diminuição da oferta nesta semana
Por:
900 acessos
Os frigoríficos menores estão sentindo a diminuição da oferta nesta semana.

Com alguns pecuaristas fora do mercado, aos poucos vão surgindo negócios a preços mais altos.

Segundo levantamento da Scot Consultoria, em São Paulo, a referência para o boi gordo subiu para R$99,00/@, à vista, e R$101,00/@, a prazo, ambos livres de imposto.

A maioria das indústrias não abaterá na próxima segunda-feira (2/1), devido à necessidade de manejo dos animais no primeiro dia do ano.

Boiadas de Goiás e Mato Grosso do Sul têm ajudado a compor as escalas de abate em São Paulo, que atendem entre 3 e 4 dias.

Nos últimos dias houve reação dos preços do dianteiro. O traseiro trabalhou em alta desde a semana passada.

No mercado atacadista de carne com osso as cotações estão estáveis.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink