Apesar do mês mais curto, exportação de carnes teve bom desempenho
CI
Agronegócio

Apesar do mês mais curto, exportação de carnes teve bom desempenho

Em relação ao mesmo mês do ano passado, cresceu o volume das três carnes
Por:
O mês mais curto (19 dias úteis, contra 23 dias úteis de agosto) permitia prever que em setembro as exportações de carnes apresentassem desempenho mais modesto que o do mês anterior. Não foi o que ocorreu, pois, tanto no volume como no preço médio, a maioria dos resultados foi superior e as exceções foram apenas marginais, apontando estabilidade em relação ao mês agosto. Assim, se - ao contrário das carnes bovina e suína - o volume de carne de frango recuou, a queda não foi muito além de 1%. E, no preço médio, o único retrocesso foi enfrentado pela carne bovina, mas em índice inferior a meio por cento. E o corolário, claro, foi uma receita cambial quase 7,5% superior à de agosto passado e o segundo melhor resultado dos nove primeiros meses de 2012.


Em relação ao mesmo mês do ano passado, cresceu o volume das três carnes, com resultados mais expressivos para as carnes suína (+55%) e bovina (+22,5%). Mas o preço médio obtido continuou inferior ao de um ano atrás. E isso se refletiu na receita cambial, que registrou expansão anual inferior a 7%.





Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink