Área plantada de algodão aumenta 87% em Goiás

Agronegócio

Área plantada de algodão aumenta 87% em Goiás

A produção esperada é de 423,52 mil toneladas
Por: -Janice
1495 acessos
A falta de algodão no mercado mundial em 2010 resultou em um aumento na produção goiana da pluma como há muitos anos não se via. Terceiro maior produtor do Brasil, Goiás, segundo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), foi o que apresentou o maior acréscimo no cultivo na atual safra. A área plantada saltou de 56,7 mil hectares para 106,16 mil hectares, um crescimento de 87%. A produção esperada é de 423,52 mil toneladas de algodão em caroço, com uma produtividade média de 265,96 arrobas por hectare.
 
No Brasil, a realidade é a mesma. Segundo a Conab, no levantamento realizado em junho, o país plantou 1,391 milhão de hectares, superior em 66,4% à área cultivada na safra 2009/2010. O maior incremento de área foi constatado na região Centro-Oeste, que participa com 64% no total da área plantada. A estimativa para a produtividade nacional também é positiva, segundo o órgão. Espera-se que o índice de produtividade média do algodão em caroço deverá alcançar 3.774 quilos por hectare, contra 3.634 quilos por hectare obtida na safra passada, o que representa um incremento médio de 3,9%. Além do fator clima, contribui para o aumento de produtividade o pacote tecnológico aplicado pelos agricultores das diversas regiões do País.

Quanto à produção brasileira de pluma, o acréscimo deverá ser na ordem de 71,8%. Na safra 2009/2010, a produção totalizou 1,194 milhão de toneladas. Para esta safra, a produção nacional deverá alcançar 2,051 milhões de toneladas. Em valores absolutos, serão ofertadas para o mercado mais 857,6 mil toneladas de pluma.
As informações são da assessoria de imprensa da Assessoria de Comunicação da Casa do Algodão.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink