Agronegócio

Argentina deverá ter forte aumento do plantio de trigo, diz bolsa

Argentina é o principal fornecedor de trigo ao Brasil
Por: -Maximilian Heath
1968 acessos

O plantio de trigo na safra 2016/17 na Argentina foi estimado em 4,7 milhões de hectares, alta de 34,3 por cento ante o total semeado na temporada anterior, previu nesta quarta-feira a bolsa de Rosário. O crescimento na safra deverá ocorrer após o novo governo de Mauricio Macri, que tomou posse em dezembro de Argentina, ter eliminado impostos e limites sobre as exportações de trigo e milho.

A Argentina é o principal fornecedor de trigo ao Brasil, que importa cerca de metade de suas necessidades. O plantio, que já começou, inclui "muitas áreas com alta tecnologia", segundo a bolsa. O tempo seco em áreas produtoras na última semana impulsionou o plantio de trigo, e produtores já semearam 22 por cento da área estimada, de acordo com o relatório da instituição.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink