Argentina fica com 1,7 milhão de toneladas em sobras de trigo?

Agronegócio

Argentina fica com 1,7 milhão de toneladas em sobras de trigo?

Volume não deve ser comercializado
Por: -Leonardo Gottems
1628 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

Uma trading argentina revelou à consultoria paranaense Trigo & Farinhas que o país vizinho possui 1,7 milhão de toneladas de trigo disponíveis para exportação, mas o volume não deve ser comercializado. A Argentina produziu 10,3 milhões de toneladas do cereal em 2013/2014 e usou 5,6 milhões de toneladas para consumo doméstico.


O governo autorizou uma quota de 1,5 milhão de toneladas, que já foi vendida. Cerca de 500 mil toneladas foram usadas para reservas de sementes. Portanto, isso deixa o país sulamericano com uma sobra de 1,7 milhão de toneladas, revela o Portal AgroSouth News.

Existem conversações entre governo, produtores e traders que foram divulgadas pela mídia local, mas nenhum acordo foi alcançado sobre uma nova quota. O Brasil tem atualmente demanda para o trigo argentino, mas a colheita local deve começar dentro de um mês. 
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink