Arroba do boi e vaca em Mato Grosso tem valorizações ‘menos intensas’, aponta IMEA
CI
Imagem: Marcel Oliveira
PECUÁRIA

Arroba do boi e vaca em Mato Grosso tem valorizações ‘menos intensas’, aponta IMEA

A boiada de confinamento vem trazendo variações menos intensas para a arroba do boi e da vaca gorda
Por:

A boiada de confinamento começou a aparecer com mais representatividade, trazendo variações menos intensas para a arroba do boi e da vaca gorda. No comparativo semanal, ficaram cotados a R$ 244,94/@ e R$ 236,18/@, respectivamente com aumentos de 1,23% e 1,43%. A informação é do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (IMEA).

“Apesar do aumento da oferta, a escala de abate teve alta semanal de apenas 0,11 dia, fechando na média de 5,30 dias. No mercado futuro, o contrato corrente e o de maio do próximo ano tiveram alta, na última semana. As variações foram de 1,66% e 3,70%, respectivamente, ficando cotados a R$ 269,95/@ e R$ 267,60/@”.

“A relação de troca boi/bezerro novamente apresentou queda. Na média semanal o indicador fechou em 1,88cabeça/cabeça, decréscimo de 0,74% ante a semana passada”, conclui o instituto, no boletim semanal.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink