Arroz representa 21% do PIB de Alegrete (RS)

Agronegócio

Arroz representa 21% do PIB de Alegrete (RS)

O município tem a terceira maior produção de arroz do Estado e se destaca pela alta produtividade e qualidade da lavoura orizícola
Por:
141 acessos

O município de Alegrete, no Rio Grande do Sul, tem a terceira maior produção de arroz do Estado e se destaca pela alta produtividade e qualidade da lavoura orizícola. Através de um Núcleo de Assistência Técnica, o Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga) presta todos os serviços essenciais para o desenvolvimento e crescimento do setor no município, que tem um dos maiores percentuais de mulheres gaúchas cultivado o arroz.

Conforme o último dado da Fundação Estadual de Economia (FEE), o Produto Interno Bruto (PIB) de Alegrete correspondia a R$ 896,8 milhões em 2004. Deste total, a produção arrozeira foi responsável por R$ 191,1 milhões, ou 21,33% do PIB do município. “O setor tem uma grande participação na economia gaúcha, especialmente em Alegrete”, revelou o presidente do Irga, Maurício Fischer.

Os dados apurados pelo Instituto, através do Censo da Lavoura de Arroz Irrigado na safra 2004/05, indicam que a produção de arroz emprega direta e indiretamente cerca de 1,5 mil pessoas em Alegrete. “São 306 produtores, mas a cadeia produtiva do arroz emprega muito mais, na lavoura e em indústrias”, explicou Fischer.

Entre as informações colhidas no Censo, destaque para o número de mulheres produtoras, o terceiro maior do Estado. O levantamento apontou, também, o tempo de experiência com a lavoura de arroz. Em torno de 80% dos produtores cultivam o cereal a mais de dez anos, o que demonstra a fidelidade dos arrozeiros do município.

Na safra que está iniciando, Alegrete deve plantar 55 mil hectares. Conforme o agrônomo do Irga Giovane Jardim, a produtividade no período anterior chegou a 7,3 mil quilos por hectare, acima da média gaúcha, com uma produção total de 344,5 mil toneladas. “O Irga atende e difunde o manejo correto da lavoura a todos os produtores do município”, afirmou Jardim.

Yeda Crusius instala governo na sexta-feira em Alegrete:

A terceira interiorização do governo estadual acontecerá nesta sexta-feira (28-09) em Alegrete e, segundo a governadora Yeda Crusius, será a primeira nos moldes que considera ideal. “Quando o governo se desloca para uma região, as coisas se aceleram e é nesse sentido que estaremos na Fronteira Oeste, inovando na interiorização”, garante a governadora.

O governo estadual será instalado às 8h30, no Centro Administrativo Municipal e às 11h30, Yeda participará do ato de lançamento da pedra fundamental da usina termelétrica de casca de arroz da Cooperativa Agroindustrial Alegrete Ltda (CAAL), no distrito industrial de Alegrete.

Nesta quinta-feira, a governadora se reunirá com os produtores de arroz, junto com o secretário da Agricultura, Pecuária e Agronegócio, João Carlos Machado, o secretário de Irrigação e Usos Múltiplos da Água, Rogério Porto e o presidente do Irga, Maurício Fischer. As informações são da assessoria de imprensa do Irga.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink