Agronegócio

Aumentam pesquisas para combater a mosca branca

Nos últimos dias surgiram pragas que até então não haviam causado problemas
Por: -Redação
1 acessos
Nos últimos dias tem ocorrido um aumento no aparecimento de algumas pragas que até então não havia causado maiores problemas. Nas regiões do Mato Grosso e do Mato Grosso do Sul estão surgindo focos de mosca branca em lavouras de soja. Existem relatos de ataques desta praga também em algodão e principalmente em feijão. Uma das características desta praga é a sua grande mobilidade e capacidade reprodutiva, o que propicia surtos com grandes danos às culturas atacadas. Esta praga também se hospeda em várias culturas olerícolas, facilitando a disseminação. No sistema Agrolinkfito, desde o início do ano, a mosca branca tem aparecido como destaque na procura por soluções, sendo o quarto inseto mais pesquisado. As lagartas (Anticarsia, Pseudoplusia e Rachiplusia) e percevejo (Nezara viridula) são os campeões nas buscas por soluções de pragas. O sistema Agrolinkfito registra cinco inseticidas para controle da mosca branca na soja e 56 produtos registrados para feijão. A busca por produto para combater insetos chega a 65%, enquanto para fungos chega a 30% este ano. A soja é a cultura mais pesquisada e a ferrugem da soja (Phakopsora pachyrhizi) a doença com maior número de pesquisas. - Saiba mais pesquisando em
Agrolinkfito e descubra as soluções para 118 culturas e 900 produtos fitossanitários registrados no Brasil.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink