Aumento da oferta e demanda fraca colaboram com as quedas de preços no mercado de reposição

Agronegócio

Aumento da oferta e demanda fraca colaboram com as quedas de preços no mercado de reposição

Após onze semanas de queda, os preços ficaram estáveis no mercado de reposição
Por:
679 acessos

Após onze semanas de queda, os preços ficaram estáveis no mercado de reposição. Desde o início do ano, na média de todas as categorias de machos anelorados e estados pesquisados pela Scot Consultoria, os preços estão, em média, 2,8% menores. Destaque para as categorias mais jovens, que apresentaram queda de 3,6%.

A maior oferta frente à demanda é o principal fator que colabora para este cenário.

A combinação de pastagens secas, que faz com que o criador e recriador busquem venda rápida e afasta a compra, os preços historicamente desfavoráveis e as incertezas quanto ao mercado do boi gordo são fatores que influenciam a menor demanda.

Na Bahia, o boi magro (12@) e o bezerro desmamado (6@) estão cotados em R$1.690,00 e R$1.000,00 por cabeça. Valores 12,0% e 14,5% menores, respectivamente, frente ao mesmo período do ano passado.

Em curto prazo a expectativa é de pequenas quedas nos preços do mercado de reposição. Por outro lado, o mercado futuro aponta preços firmes no mercado do boi gordo, o que deve continuar melhorando o poder de compra do recriador e invernista.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink