Aumento das exportações de carne para Israel exige abate sofisticado

Agronegócio

Aumento das exportações de carne para Israel exige abate sofisticado

Por: -Admin
1 acessos

Mais investimentos e novas técnicas permitiram ao Brasil sofisticar a produção de carne e conquistar mercados com exigências específicas de abate, como é o caso de Israel. De acordo com dados da Abiec (Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne), 21,89 mil toneladas foram para o mercado israelense em 2003, no valor de US$ 31,64 milhões.O Brasil é hoje o maior exportador mundial de carne bovina, com um faturamento de US$ 2,057 bilhões em 12 meses (entre agosto de 2003 e julho de 2004 – últimos dados fornecidos pela CNA). Foi um salto de 62% em relação ao US$ 1,268 bilhão registrado de agosto de 2002 a julho de 2003.

Na produção da carne kosher, o abate dos animais é feito de acordo com as normas judaicas e, na maioria dos casos, todo o processo é acompanhado por rabinos. Uma das exigências é evitar o sofrimento do animal e o uso de facas com serra. Hoje, já é aceito o processo de abate com choques elétricos.

Vários frigoríficos brasileiros exportam carne bovina “in natura” para Israel, entre eles o Independência Alimentos Ltda., com sede administrativa em São Paulo. Foram 5.812 toneladas em 2003, no valor de US$ 7, 99 milhões, e a expectativa é de que esses números dobrem neste ano, de acordo com Roberto Fiori, diretor de Controladoria da empresa. A carne kosher produzida pelo Independência sai do frigorífico de Anastácio, Mato Grosso do Sul, gerando 760 empregos.

Ao lado do complexo soja, madeiras, lácteos, café, açúcar e álcool, entre outras commodities, as exportações de carne são decisivas para o superávit da balança comercial do agronegócio brasileiro – US$ 22,831 bilhões de janeiro a agosto deste ano. Em relação ao mesmo período do ano passado, o saldo do agronegócio aumentou 41,3% em 2004. As informações são da assessoria de imprensa Ex Libris Comunicação Integrada.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink