Aumento das exportações reforça necessidade de combate à aftosa

Agronegócio

Aumento das exportações reforça necessidade de combate à aftosa

Por:
1 acessos

A exportação de carnes registrou aumento de 50,3% no ano passado, em relação a 2003, segundo balanço divulgado nesta quinta-feira (06-01) pelo Ministério da Agricultura. O volume de exportação somou mais de US$ 6,1 bilhões, em 2004. Para o ministro Roberto Rodrigues, esse crescimento reforça a necessidade de combate à febre aftosa no Brasil.

"Nós temos que ter muito mais firmeza nas nossas condições de defesa sanitária, na logística e infra-estrutura para garantir uma competitividade para além da fazenda", disse Rodrigues.

Durante a posse do novo secretário de Defesa Agropecuária, Gabriel Alves Maciel, o ministro disse que a erradicação da doença será a prioridade da secretaria. "Ou a pecuária acaba com a aftosa ou a aftosa acaba com a pecuária", argumentou Rodrigues. "É uma vergonha que ainda tenhamos esse problema no Brasil. É uma coisa tão fácil de acabar, bastam duas vacinações por ano", acrescentou.

Maciel chefiou anteriomente a Secretaria de Produção Rural e Reforma Agrária de Pernambuco. Na cerimônia de hoje também foi empossado o novo secretário de Apoio Rural e Cooperativismo, Márcio Portocarrero.

Roberto Rodrigues explicou que a posse dos dois secretários faz parte da reestruturação para modernizar e flexibilizar a estrutura da pasta. Segundo ele, essas mudanças seguem "um conceito que o presidente Lula determinou: os órgãos de governo não podem ser uma âncora que impeça o desenvolvimento do setor privado, tem que ser uma alavanca".

Como parte dessa reestruturação, o ministro anunciou a criação da Secretaria de Relações Internacionais, que será responsável pelas negociações comerciais internacionais e de acordos sanitários. Ele informou também a criação de uma nova assessoria, a de Gestão Estratégica, que será coordenada por Elísio Contini, atual pesquisador da Empresa Brasileira d Pesquisa Agropecuária (Embrapa).


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink