Austrália vê potencial de exportação de carne bovina para a Coréia
CI
Agronegócio

Austrália vê potencial de exportação de carne bovina para a Coréia

Por: -Admin

A liberação do mercado da Coréia denota um potencial significativo ainda não aproveitado para aumentar as exportações de carne bovina da Austrália e diversificar os mercados de exportação da indústria de carnes do país, segundo informou o gerente geral de Operações Estrangeiras do Meat and Livestock Australia (MLA), Mike Hayward na semana passada.

Falando em um Fórum de Produtores ocorrido em Townsville, Hayward disse que mais de 70% das exportações de carne bovina da Austrália vão para os Estados Unidos e para o Japão. A crise gerada pelo surgimento de encefalopatia espongiforme bovina (EEB) ou doença da ‘vaca louca’ no Japão, no ano passado, destaca a necessidade de diversificação de mercados.

“Nós precisamos diversificar e reduzir o nosso risco. O MLA está trabalhando para fazer isso e está ativo em um grande número de mercados, da China até o Leste Europeu. Uma das reais oportunidades está agora no mercado liberalizado da Coréia. O consumo de carne bovina na Coréia está crescendo de forma estável em uma taxa média de 7% ao ano e deverá continuar apresentando este crescimento. As exportações da Austrália podem se beneficiar disto”, afirmou Hayward.

A indústria de carne bovina da Austrália já tem uma sólida presença no mercado da Coréia, auxiliada pelo suporte promocional feito em todos os setores – comércio, varejo e setor de foodservice. Hayward disse que o espaço para a carne bovina australiana na Coréia está aumentando e isto foi refletido pelo rápido crescimento do comércio de carne bovina resfriada, que apresentou incremento de 390 toneladas, em 1999/2000, para 3,31 mil toneladas em 2001/2002.

“Entretanto, nós estamos diante de uma dura competição com os EUA e precisamos ampliar nossas promoções se quisermos não somente aumentar as vendas de carne bovina da Austrália, mas também a participação da Austrália neste mercado em crescimento. Há mais de 250 hipermercados e lojas de departamentos na Coréia e nós queremos ter a carne bovina do país na metade destes estabelecimentos até o meio do ano que vem”, destacou.

“Grandes multinacionais, como o Wal-Mart e o Carrefour estão abrindo novas lojas quase que semanalmente, e também as redes locais, como a Kim’s Club e o E-mart. Essencialmente, nós precisamos ter carne bovina australiana nos estoques de forma permanente e promover este produto em todos estes estabelecimentos de varejo”.

Para capitalizar neste mercado liberalizado, a Austrália lançou uma das maiores campanhas de promoção ao consumidor na Coréia neste ano, com o Hoju Chungjungwoo- – carne bovina australiana limpa e segura – marca que agora está sendo promovida através de revistas, jornais e estabelecimentos de varejo coreanos.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.