Avepar apresenta novo projeto e início dos abates

Agronegócio

Avepar apresenta novo projeto e início dos abates

Há 20 anos na avicultura produzindo pintos de 1 dia, a empresa vai anuncia o projeto da nova unidade de abate de frangos
Por: -Renata
773 acessos
A unidade de abate da Avepar que será reconstruída no município de Abelardo Luz,SC, será uma das mais modernas do país, a exemplo do projeto inaugurado em dezembro de 2007. Segundo o empresário Celso Mattiolo este novo frigorífico foi projetado para atender as maiores exigências relacionadas ao meio ambiente e biossegurança e vai representar uma vitória diante do incêndio que destruiu a unidade recém inaugurada no ano passado.


"Com quase duas décadas de tradição na produção e fornecimento de pintinhos para a indústria avícola do País, a Avepar vai passar a produzir, abater, industrializar e comercializar carne de frango, agora em seu próprio abatedouro, com capacidade para abater 10.000 aves por hora, como havíamos projetado" afirmou otimista Celso Mattiolo.

O novo projeto será apresentado nesta segunda feira no estande da Avepar montado na ExpoFemi. Oportunidade que vai reunir investidores, parceiros na reconstrução e a imprensa que será homenageada pelo empresário, pelo apoio solidariedade e seriedade com que divulgou o fato.


A exemplo da obra inaugurada no final de 2007 a nova unidade de abate será reconstruída no mesmo local, em uma área de terra de 270mil m², com 15 mil metros quadrados de área construída, onde vão ser gerados mais de 1.500 empregos diretos.

De acordo com o empresário Celso Mattiolo, Diretor da Avepar o empreendimento completa um projeto ousado que não foi interrompido que é o da integração com parceiros em toda a região que vão fornecer as aves para o abatedouro "Procuramos construir o abatedouro relativamente próximo do sistema de integração, o que facilitará a gestão da produção. Já contávamos com uma estrutura sólida e segura de incubatório, de matrizes e fábrica de rações, o que nos possibilita a rastreabilidade total do processo desde que o pintinho nasce, até o processamento da carne, chegando até o cliente final. " completou Mattiolo.

Meio ambiente como prioridade

Na nova unidade de abate um moderno sistema de tratamento de efluentes será implantado, para que toda água utilizada no processo de abate possa ser devolvida ao meio ambiente limpa e adequada para consumo humano e animal. Todo o processo de purificação da água que saí do abatedouro contará com um tanque para equalização dos rezíduos, que seguem para um flotador, e após para um tri-decanter onde ocorre a separação da água,óleos e graxas e sólidos, tendo cada uma das partes separadas aplicação específica, onde a água retorna ao processo, óleos e graxas serão destinados para produzir biodiesel.


Assim que voltar ao funcionamento a unidade de abate da Avepar,entrará em atividade também um mini usina para produção de biodiesel a partir da gordura das aves. Todo o resíduo sólido será secado através de um inovador sistema de secagem . "Em outros processos de abate e tratamento da água utilizada não separava os resíduos sólidos, que iam parar nas lagoas. Mas aqui somente água irá para as lagoas, o excedente de gorduras e sólidos em breve serão processados junto com parte das vísceras para gerarem biodiesel, que será utilizado em na nossa frota. Em um futuro muito próximo estaremos devolvendo para a natureza uma água mais limpa do que quando chegou, e esta água será reutilizada no abate novamente, assegurando a sustentabilidade do processo" afirmou Matiolo.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink