Banco da Amazônia libera mais de R$ 1 mi para plantio de seringueira no TO

Agronegócio

Banco da Amazônia libera mais de R$ 1 mi para plantio de seringueira no TO

Pronaf beneficiou Projeto Eco Seringueira
Por:
1049 acessos
Mais de 20 produtores dos municípios de Nova Rosalândia e Marianópolis participaram na manhã desta quarta-feira, dia 03, da assinatura simbólica dos 38 contratos do Pronaf - Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar- do Projeto Eco Seringueira. O evento ocorreu no Palácio Araguaia, com a presença do governador, Siqueira Campos, e do presidente do Banco da Amazônia, Valmir Pero Rossi, para celebrar a aprovação dos projetos de plantio de seringueira no Tocantins. Com áreas de um a dois hectares, os contratos variam de R$ 15 a R$ 30 mil, por propriedade, injetando assim mais de R$ 1 milhão na heivicultura tocantinense.
 
Siqueira Campos disse que os agricultores assentados não podem ficar apenas com o título da propriedade, é preciso que tenha renda, que seja sustentável. “Foi pensando em diversificar as culturas e proporcionar renda, durante o ano inteiro, que criamos o projeto de cultivo de seringueira, que pode ser integrada com a fruticultura, piscicultura, pecuária e agricultura. Vamos oportunizar a fixação do trabalhador no campo”, completou o Governador.
 
O secretário da Agricultura, da Pecuária e do Desenvolvimento Agrário, Jaime Café, agradeceu aos prefeitos pela mobilização dos produtores em seus municípios e ressaltou que a assinatura já é a colheita dos frutos, liberando recursos para o início desta atividade para a agricultura familiar. Em seguida, Café fez uma apresentação das ações do projeto desde a criação em 2011, como as instalações dos polos, reuniões técnicas, Dias de Campos realizados por todas as regiões do Estado.
 
Carteira de crédito

Café destacou ainda o crescimento de 65% do cultivo de seringueira no Estado, somente nos últimos dois anos, passando de 1.840 hectares em 2011, para 3.050 em 2013.  “A assinatura desses contratos representa o fator multiplicador, a concretização desses projetos incentivam outros produtores a investir na cultura, por isso pedimos ao presidente Rossi que disponibilize uma carteira de crédito especial para o cultivo da seringueira, focado nas regiões polos”, reforçou o Secretário.
 
Produtor

Jorge Felix de Oliveira é assentado do PA – Projeto de Assentamento, Padre Jozimo I, no município de Nova Rosalândia, e irá receber R$ 18 mil para o plantio de 1,2 hectares (cerca de 800 pés de árvores), gerando uma renda mensal, a partir do sexto ano, de R$ 1.500,00. “Sempre trabalhei com lavoura de subsistência e estou ansioso para o início do plantio de seringueira para garantir renda para minha família. Estou me orientando com os técnicos da Seagro e ainda conto com a assistência técnica da Coopercam – Cooperativa de Prestação de Serviços Agropecuária”, explicou o produtor.
 
Presenças

O evento foi prestigiado por diversas autoridades, como secretários estaduais, presidentes de autarquias, prefeitos, além do diretor de Operações da Eco Brasil S/A, Romeu Alberti Sobrinho; do diretor da Empresa Agroaçai, Wilson Grison; e ainda o Sócio diretor da Granol, Juan Diego Ferres, e o gerente Comercial da empresa, Milton Cavichiali Júnior, além do superintendente do Banco do Brasil, João Batista de Sá; Chefe geral da Embrapa, Carlos magno Campos; Superintendente do Incra, Ruberval Gomes da Silva; e superintendente Federal da Agricultura, Jalbas Aires Manduca.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink