Banco do Brasil estuda lançamento de CDA/WA para este semestre

Agronegócio

Banco do Brasil estuda lançamento de CDA/WA para este semestre

Por ser um título prefixado, o valor do resgate e o prazo são definidos na hora de negociação
Por:
1376 acessos

O Banco do Brasil (BB) pretende iniciar ainda neste semestre suas operações com o Certificado de Depósito Agropecuário (CDA) - que representa a promessa de entrega de produtos agropecuários, seus derivados, subprodutos e resíduos de valor econômico, depositados em conformidade com a Lei de Armazenagem -, e também Warrant Agropecuário (WA) - que confere o direito de penhor sobre o produto descrito no CDA correspondente - os novos títulos do agronegócio aprovados pelo governo federal em dezembro do ano passado.

José Carlos Vaz, gerente-executivo de agronegócios do BB, explica que o objetivo dos títulos destinados ao financiamento do agronegócio é viabilizar o acesso do produtor a recursos de mercado, aumentando a disponibilidade de capital para o setor e contribuindo para a redução do custo desse dinheiro. Além disso, o CDA e do WA também vão contribuir para que novos intervenientes passem a financiar o carregamento da safra agropecuária, reduzindo a participação do governo na disponibilização de financiamentos para o setor.

O BB foi o primeiro banco a emitir Letra de Crédito do Agronegócio (LCA), representativo de promessa de pagamento em dinheiro, de emissão exclusiva de instituições financeiras públicas ou privadas. Esses papéis têm como lastro as Cédulas de Produto Rural (CPRs).

Título prefixado:

Por ser um título prefixado, o valor do resgate e o prazo são definidos na hora de negociação. O prazo varia de 30 e 120 dias. A taxa negociada tem sido em torno de 19% ao ano. Para efetuar a operação o investidor pode procurar a Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&F) ou as demais bolsas de mercadorias.

"Esta operação é uma forma de investir no agronegócio, podendo contar com a garantia do BB e rentabilidade satisfatória", ressalta o executivo. Por ora, os lotes variam de R$ 100 mil até R$ 2,5 milhões. O BB também quer o pioneirismo na emissão do Certificado de Direitos Creditórios do Agronegócio (CDCA) - instrumento representativo de promessa de pagamento em dinheiro. O banco pretende iniciar os primeiros negócios com o papel até abril deste ano.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink