Banco Fibra lança Letras de Crédito do Agronegócio

Agronegócio

Banco Fibra lança Letras de Crédito do Agronegócio

O Banco Fibra será a primeira instituição financeira privada a lançar as Letras de Crédito do Agronegócio
Por:
1 acessos

O Banco Fibra será a primeira instituição financeira privada a lançar as Letras de Crédito do Agronegócio (LCAs). O banco espera lançar entre R$ 15 milhões e R$ 20 milhões. O anúncio oficial será feito hoje.

As LCAs serão lastreadas em Cédulas de Produto Rural (CPRs) que serão adquiridas no mercado. O banco está de olho em um mercado que poderá movimentar cerca de R$ 25 bilhões.

Hoje o Banco do Brasil (BB) - pioneiro no lançamento destes papéis - vai leiloar R$ 20 milhões em títulos. Os lotes poderão ser comprados por administradores de fundos de investimento ou fundos de pensão. O papel tem rentabilidade próxima com a do CDI.

No dia 28, outro leilão será realizado, também de R$ 20 milhões, informa o banco. No primeiro semestre, o banco já lançou R$ 80 milhões em LCAs.

Ontem, o BB anunciou o relançamento da CPR Insumos. "Queremos incentivar os agricultores a antecipar a compra de adubos para a safra 2005/06", diz José Carlos Vaz, gerente de agronegócio do banco. O banco liberou R$ 500 milhões para o papel. As CPRs tem um custo estimado em 21% a 22% ao ano, superior ao do crédito rural, porém inferior ao de mercado, onde um empréstimo custaria cerca de 30%.

As entregas de adubos no primeiro trimestre foram de 3,15 milhões de toneladas, ou 7% menores em relação a 2004, quando totalizaram 3,38 milhões de toneladas, informa a Associação Nacional para Difusão de Adubos (Anda).


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink